Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/45571
Title: Desidratação no idoso
Authors: Correia, Joana Marta Batista 
Orientador: Verissimo, Manuel Teixeira
Keywords: Idoso; Desidratação; Geriatria
Issue Date: Sep-2012
Abstract: A desidratação é o distúrbio eletrolítico mais frequente no idoso. A população idosa é mais suscetível a desidratação, não só devido às alterações fisiológicas intrínsecas da idade mas também por causas patológicas, sociais, iatrogénicas e ambientais. O diagnóstico de desidratação não é fácil, já que a clínica e exames laboratoriais perdem especificidade nesta faixa etária e podem não ser conclusivos para um diagnóstico de desidratação. Por isso, é necessário cuidado redobrado na prática clínica para que a desidratação no idoso não passe despercebida, uma vez que o diagnóstico precoce e o tratamento adequado e atempado são indispensáveis para evitar complicações. Se não for tratada, a desidratação apresenta elevadas taxas de morbilidade e mortalidade no idoso. A prevenção da desidratação, no domicílio e em unidades de cuidados, toma assim uma importância indiscutível na sociedade envelhecida dos dias de hoje. Este artigo tem como objetivo fazer uma revisão da literatura mais recente acerca da temática “desidratação no idoso”, abordando os aspetos referidos anteriormente, bastante relevantes nesta população
Dehydration is the most common electrolyte disorder in the elderly. The elderly population is more vulnerable to dehydration, not only because of physiological changes related to the aging process but also due to pathological, social, iatrogenic and environmental causes. Diagnosing dehydration is not easy, since clinical signs and laboratory tests are less specific in this age group and may not be conclusive to a diagnosis. Therefore, in clinical practice, it is necessary to pay double attention so that dehydration does not go unnoticed, since early diagnosis and adequate treatment are essential to avoid complications. If left untreated, dehydration presents high morbidity and mortality rates in the elderly. Preventing dehydration, at home and in care units, is incontestably important nowadays in aged societies. The main purpose of this article is to review the recent literature on the subject “dehydration in the elderly”, concerning all aspects already referred which are so pertinent to this population.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina , área cientifica de Geriatria, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/45571
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Desidratação no idoso, FMUC, 2012, Joana Marta Batista Correia.pdf1.58 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

491
checked on Dec 7, 2021

Download(s) 50

852
checked on Dec 7, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.