Title: O Atlântico da telenovela em travessia: Angola, Brasil e Portugal
Authors: Guedes, Ana Paula Sampaio 
Keywords: espaço Lusófono;lusophone space;remake Dancing Day´s;Windeck;análise de narrativas ficcionais;telenovela;remake Dancing Day´s;analysis of fictional narratives;telenovela
Issue Date: 16-Oct-2017
Citation: GUEDES, Ana Paula Sampaio - O Atlântico da telenovela em travessia : Angola, Brasil e Portugal. Coimbra : [s.n.], 2017. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/42567
Abstract: Há mais de 500 anos que as relações Angola, Brasil e Portugal triangulam o Oceano Atlântico. Estes trânsitos de pessoas, culturas e produtos originaram e atualizam o Espaço Lusófono. Entendemos esse espaço virtual a partir da ideia mental compartilhada pelos cidadãos lusófonos, ligados pelo passado colonial e pela língua portuguesa (Cunha, 2015; Martins, 2006 e 2014; Sousa, 2013). No reencontro das três nações, no contexto pós-colonial, percebemos que os conceitos coloniais atualizam-se constantemente em representações mediáticas, a exemplo das ficções televisivas. Com efeito, para compreender as criações das telenovelas nesses três países, desenvolvemos um trabalho interdisciplinar, construído a partir da confluência dos Estudos Culturais (o contexto histórico e social em cada país e as interações no Espaço Lusófono), da Comunicação Social (os media e o formato telenovela) e dos Estudos Narrativos (construção de enredos das ficções analisadas). Deste modo, apresentamos como corpus de análise as seguintes narrativas seriadas: a angolana Windeck (2012-TPA), cuja autora é uma roteirista portuguesa, e o remake português Dancing Day´s (2011-2012), baseado na versão original homônima exibida no Brasil entre julho de 1978 e janeiro de 1979. Partimos para a execução deste projeto com a seguinte questão: “como o processo histórico colonial vivenciado entre os três países reflete, permanece e atualiza-se em Windeck e Dancing Day´s (versão portuguesa) a partir da utilização da estrutura narrativa da telenovela brasileira?”. Esta pergunta foi respondida ao longo da discussão desenvolvida nos quatro capítulos desta tese, sendo o primeiro dedicado à revisão histórica dos impactos do império colonial em Portugal e nos territórios que hoje são Angola e Brasil. Iniciamos pela interseção histórica devido à necessidade de compreendermos conceitos, como o Lusotropicalismo, e preconceitos como o racismo contra os negros, criados no período colonial e constantemente atualizados nas telenovelas produzidas pelos países estudados. Em seguida, no 2º capítulo, prosseguimos com a evolução da telenovela em cada país tendo em vista os seus respectivos cenários político, cultural e social. Assim, percebemos o modo como tais ficções desenvolveram-se ao longo das décadas, as mudanças nas narrativas e nos debates dos temas sociais, o intercâmbio de profissionais e de conhecimentos entre brasileiros, portugueses e angolanos. No capítulo posterior, discutimos a narrativa da telenovela, refletindo sobre a natureza desse tipo de ficção, a serialidade, a fragmentação dos enredos, o uso da redundância, entre outras características. Completamos esse capítulo analisando as telenovelas brasileiras, a organização das diversas intrigas associadas a uma principal, a discussão dos temas atuais, a aplicação do merchandising social, a atualização do esquema melodramático integrado a elementos narrativos realistas. E no último capítulo, construímos efetivamente as análises das duas telenovelas, que foram estruturadas em dois momentos, uma fase empírica, construída a partir do acompanhamento dos capítulos e outra teórica, orientada pela aplicação de categorias e de subcategorias na análise dos enredos de Windeck e de Dancing Day´s. Seguimos as três etapas propostas pela investigadora Laurence Bardin (2006) para a Análise de Conteúdo, que são: pré-análise, a exploração do material e o tratamento dos resultados, inferência e interpretação. Na primeira, concentramos na construção do repertório teórico sobre o contexto histórico-cultural de cada país bem como o levantamento bibliográfico relativos à Comunicação e aos Estudos narrativos. Na etapa seguinte, assistimos a todos os capítulos e organizamos textos descritivos sobre as personagens, os núcleos narrativos e os temas discutidos. E por fim, elaboramos quadros para sistematizar a análise dos enredos em duas fases, a primeira quantitativa (empírica) e a segunda qualitativa-conceitual. A nossa análise focalizou-se diretamente na criação dos enredos, no trabalho dos autores e dos roteiristas, todavia fizemos diálogos com os contextos externos às ficções para compreendermos a visão social dos escritores televisivos e a aproximação cultural das histórias com a realidade do público.
For more than 500 years, relations between Angola, Brazil and Portugal triangulate the Atlantic Ocean. These transits of people, cultures and products originated and updated the Lusophone Space. We understand this virtual space from the mental idea shared by portuguese-speaking citizens, linked by the colonial past and the Portuguese language (Cunha, 2015, Martins, 2006 and 2014, Sousa, 2013). In the reencounter of the three nations, in the postcolonial context, we realize that colonial concepts are constantly updated in mediatic representations, as in television fiction. Indeed, in order to understand the creations of telenovelas in these three countries, we have developed an interdisciplinary work, built from the confluence of Cultural Studies (the historical and social context in each country and interactions in the Lusophone Space), Social Communication The telenovela format) and the Narrative Studies (construction of plot of fictions analyzed). In this way, we present the following narratives: angolan Windeck (2012-TPA), whose author is a portuguese writer, and the portuguese remake Dancing Day's (2011-2012), based on the original Brazil between July 1978 and January 1979. We started with the following project: "as the colonial historical process experienced between the three countries reflects, remains and is updated in Windeck and Dancing Day's (portuguese version) from the use of the narrative structure of the Brazilian telenovela ? ". This question was answered throughout the discussion developed in the four chapters of this thesis, the first one devoted to the historical review of the impacts of the colonial empire in Portugal and in the territories that are now Angola and Brazil. We began by the historical intersection due to the need to understand concepts, such as Luso-tropicalism, and prejudices such as racism against blacks, created in the colonial period and constantly updated in the soap operas produced by the countries studied. Then, in the second chapter, we continue with the evolution of the telenovela in each country in view of their respective political, cultural and social scenarios. Thus, we perceive how these fictions have developed over the decades, the changes in narratives and debates on social issues, the exchange of professionals and knowledge among brazilians, portuguese and angolans. In the later chapter, we discuss the narrative of the telenovela, reflecting on the nature of this type of fiction, seriality, the fragmentation of entanglements, the use of redundancy, among other characteristics. We complete, this chapter analyzing the Brazilian telenovelas, the organization of the various intrigues associated with a main one, the discussion of the current themes, the application of social merchandising, the updating of the melodramatic scheme integrated to realistic narrative elements. And in the last chapter, we effectively constructed the analyzes of the two telenovelas, which were structured in two moments, an empirical phase, built from the chapters' accompaniment and a theoretical one, guided by the application of categories and subcategories in the analysis of the Windeck plots and Of Dancing Day´s. We follow the three steps proposed by researcher Laurence Bardin (2006) for Content Analysis, which are: pre-analysis, material exploration and treatment of results, inference and interpretation. In the first, we focused on the construction of the VII theoretical repertoire on the historical-cultural context of each country as well as the bibliographical survey on Communication and Narrative Studies. In the next step, we watch all the chapters and organize descriptive texts about the characters, the narrative nuclei and the themes discussed. Finally, we elaborate tables to systematize the analysis of the plots in two phases, the first quantitative (empirical) and the second qualitative conceptual. Our analysis focused directly on the creation of the plot, on the work of the authors and writers, but we did dialogues with contexts external to the fictions to understand the social view of television writers and the cultural approximation of the stories with the reality of the public.
Description: Tese de doutoramento em Ciências da Comunicação, apresentada ao Departamento de Filosofia, Informação e Comunicação da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/42567
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Secção de Comunicação - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O Atlântico da telenovela em travessia.pdf4.71 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons