Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/41861
Title: Caracterização genética de glioblastoma multiforme
Authors: Rodrigues, Joana Isabel Fernandes de Oliveira 
Orientador: Barbosa, Marcos
Keywords: Glioblastoma; Genética
Issue Date: May-2013
Abstract: Contexto: O glioblastoma multiforme é o mais frequente e letal dos tumores cerebrais malignos primários, tendo-se verificado um aumento da sua incidência nos últimos anos. Trata-se de uma doença de mau prognóstico, sendo que menos de 3% dos pacientes padecendo desta têm uma sobrevida superior a 5 anos após o diagnóstico, permanecendo uma entidade resistente à terapêutica. No sentido de melhorar a resposta à terapêutica e o prognóstico, têm sido feitos inúmeros esforços visando a caracterização genética deste tumor. Objectivo: Revisão das principais alterações genéticas que ocorrem no glioblastoma multiforme, com foco nos mecanismos genéticos e epigenéticos que se manifestam neste tumor, a sua distribuição percentual entre os vários subtipos e a sua influência no prognóstico. Métodos: Foi realizada uma extensa pesquisa bibliográfica em bases de dados da literatura médica, abrangendo o período de 1993 a 2013, tendo sido seleccionadas publicações em língua inglesa e francesa. As pesquisas foram realizadas na base de dados Pubmed (www.pubmed.com), Science Direct (www.sciencedirect.com), assim como na Biblioteca do conhecimento online - B-On (www.b-on.pt) com o objectivo de encontrar fontes bibliográficas acerca da caracterização genética de glioblastoma. Seleccionaram-se oitenta e uma fontes bibliográficas. Foram usadas as seguintes palavras-chave em diferentes combinações: “Glioblastoma Multiforme”, “Genética” (Genetics), “Epigenética” (Epigenetics), “Classificação” (Classification) e “Diagnóstico” (Diagnosis). Resultados e Conclusão: O glioblastoma multiforme caracteriza-se pela presença de diversas alterações genéticas e epigenéticas, que ocorrem quer isoladamente como em associação, traduzindo-se em diferentes cursos da doença, assim como em diferentes respostas à terapêutica e prognóstico. A caracterização genética do glioblastoma multiforme permite o conhecimento dos diversos mecanismos que têm influência no decurso desta patologia, assim como poderá conduzir à optimização da sua abordagem terapêutica e eventualmente à melhoria do seu prognóstico.
Background: Glioblastoma multiforme is the most common and lethal malignant primary brain tumor, and there has been an increase in its incidence in recent years. It is a disease of poor prognosis, with less than 3% of patients still alive at 5 years after diagnosis, remaining resistant to therapy. Aiming to improve its response to therapy, various efforts are being made to perform its genetic characterization. Aim: Review the major genetic alterations that occur in glioblastoma multiforme, focusing on the genetic and epigenetic mechanisms that manifest in this tumor, its percentage distribution among the various subtypes and their influence on prognosis. Methods: An extensive literature search was performed in medical literature databases, covering the period from 1993 to 2013, selecting publications in English and French languages. The surveys were conducted in the Pubmed database (www.pubmed.com), Science Direct (www.sciencedirect.com), as well as in Biblioteca do conhecimento online - B-On (www.b-on.pt) aiming to find bibliographic references on the genetic characterization of glioblastoma. Eighty-one bibliographic references were selected. The following key words were used, in various combinations: "Glioblastoma Multiforme", "Genetics", "Epigenetics", "Classification” and "Diagnosis". Results and Conclusion: Glioblastoma multiforme is characterized by the presence of several genetic and epigenetic changes that occur either singly or in combination, resulting in different courses of the disease, as well as in different responses to therapy and prognosis. Genetic characterization of glioblastoma multiforme allows the knowledge of the various mechanisms that influence the course of the disease, and leads to optimization of its therapeutic approach and eventually to the improvement of its prognosis.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina área cientifica de Neurocirurgia, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/41861
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TF Caracterização Genética de Glioblastoma Multiforme.pdf533.04 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

623
checked on Jul 9, 2020

Download(s) 20

694
checked on Jul 9, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.