Title: Arquitetura de representação e liberdade : os Paços do Concelho de Alcino Soutinho
Authors: Soares, Ana Catarina Baptista Machado 
Keywords: Paços do Concelho, Amarante;Paços do Concelho, Felgueiras;Paços do Concelho, Matosinhos;Paços do Concelho, Monção;Soutinho, Alcino, 1930-2013, obra;Edificios públicos, arquitectura, Portugal;Pos-modernismo (arquitectura)
Issue Date: Sep-2016
Abstract: Alcino Soutinho foi o primeiro arquiteto a conceber um equipamento institucional no período democrático português, ainda em conjuntura pósrevolucionária, inaugurando e personificando os edifícios camarários do novo regime de acordo com os princípios instaurados. A presente dissertação tem como objetivo refletir sobre o percurso de Soutinho, marcado simultaneamente pela Escola do Porto e pela especificidade autoral de uma constante experimentação formal, colocando-o, ao mesmo tempo, num percurso particular da Escola do Porto e inserindo-se no contexto Pós-Moderno português. Esta reflexão é realizada dando enfâse aos Paços de Concelho por ele projetados, tratando-se de edifícios representativos de uma cidade, que remetem simbolicamente à dimensão social e ao poder local de cada município. Tendo consciência destas características, concebeu cinco projetos camarários que se destacam pela sua inserção urbana e pela capacidade de comunicar com quem passa, promovendo a imagem da cidade e a participação dos cidadãos. Estes equipamentos, nos quais estão presentes os edifícios do Paços do Concelho de Amarante, Monção, Matosinhos, Seregno e Felgueiras, constituem os casos de estudo e serão abordados tendo em consideração a evolução do seu pensamento arquitetónico e a sua posição perante a necessidade de uma mudança formal e estilística de um equipamento arquitetónico que passou a representar novos preceitos, como a democracia e a liberdade. No final é realizada uma análise comparativa dos cinco casos de estudo, compreendendo as suas particularidades conceptuais, formais e materiais, contextualizando-os com a sua restante obra na procura de um fio condutor que interligue a aparente heterogeneidade dos seus projetos.
Alcino Soutinho was the first architect to conceive an institutional equipment in the Portuguese democratic period, yet in post-revolutionary conjuncture, inaugurating and personifying the new regime municipal buildings, following the established principles. The objective of the current dissertation is to think over Soutinho’s path characterized, simultaneously, by Oporto’s School and by the constant formal experimentation of the author’s specific nature, which sets him, at the same time, on a particular Oporto’s School path and inserting him on the Portuguese post-modern context. This reflection emphasizes the City Halls projected by the architect, which are buildings representative of the cities and refer, in a symbolic way, to the social dimension and local power of their respective city. Being aware of this characteristics, he conceived five projects, regarding city halls, which stand out because of their urban integration and their ability to communicate with passing people, promoting the city image and the citizen’s participation. This equipment’s, in which are present Amarante, Monção, Matosinhos, Seregno and Felgueiras City Halls, form the study cases and will be addressed while having in consideration the evolution of his architectural thinking and his position regarding the need of a formal and stylist change of an architectonic equipment that started to represent new precepts, like democracy and liberty. To conclude, an analysis will compare the five study cases, understanding their conceptual particularities, formal and material, and contextualizing them with the remaining projects, in a search for a line that explains the heterogeneity of the architect projects.
URI: http://hdl.handle.net/10316/37153
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Arquitectura - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ArquiteturadeRepresentaçãoeLiberdade_AnaSoares.pdf79.06 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.