Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/36718
Title: A adesão à terapêutica antihipertensora na recorrência de acidentes cerebrovasculares = Compliance with antihypertensive medication in the recurrence of cerebrovascular accidents
Authors: Cerqueira, Sofia de Sá Guimarães 
Keywords: Acidente vascular cerebral; Terapêutica por medicamentos; Hipertensão arterial
Issue Date: 2013
Abstract: Introdução e objetivos: O acidente vascular cerebral (AVC) assume-se como a segunda principal causa de morte em todo o mundo, tendo sido observada em Portugal uma mortalidade particularmente elevada, associada a esta doença. Urge portanto, a otimização da sua terapêutica, e a aposta na prevenção secundária. O que nos propusemos fazer neste estudo foi encontrar fatores preditivos independentes que se associassem a maior probabilidade de recorrência de eventos cerebrovasculares. Métodos: Foi realizado um estudo retrospetivo de 84 doentes, selecionados a partir de uma população de doentes internados por eventos cerebrovasculares. Foram definidas variáveis com informação relativa ao doente (grupo Dt) e, outras, com informação relativa à doença (grupo Dç). Esta população foi dividida em dois grupos, um primeiro, contendo a população que teve recorrência de evento cerebrovascular; e um segundo, contendo a população que não a teve. Caraterizaram-se e compararam-se estres grupos, de acordo com as variáveis especificadas, e utilizaram-se os testes de hipóteses mais apropriados e a análise multivariada para identificação de fatores independentes preditivos de recorrência do quadro. Resultados: A análise comparativa demonstrou que não se verificaram diferenças significativas entre a população que sofreu evento cerebrovascular e a que não a teve, quer no que concerne às variáveis do grupo Dt como às variáveis do grupo Dç. Assim, não foi possível identificar fatores independentes preditivos de recorrência do quadro. Conclusão: Ao contrário do esperado, não foi possível estabelecer o valor preditivo de qualquer das variáveis estudadas, quer relativas ao doente, quer relativas à doença em si.
Introduction and objective: Stroke is the second most prevalent cause of death throughout the world, and in Portugal its mortality is considerably high. Hence, the optimization of its treatment and the investment in its secondary prevention are of particular importance. Our aim, in this study, was to identify predictive factors which could be associated with a greater probability of recurrence of stroke. Methods: We retrospectively studied 84 patients, who were selected from a population of patients admitted for cerebrovascular events. We defined some variables, with information regarding the patient (group Dt), and another ones, with information regarding the disease itself (group Dç). This population was divided in two groups: the first, containing the ones who had recurrence of the disease, and the second containing those who didn’t have it. These groups were characterized and compared, using the variables previously referred, and appropriate statistical tests and multivariate analysis were used to identify independent predictors of stroke recurrence. Results: The analysis showed no significant differences between the populations who had vs who hadn’t stroke recurrence, either concerning the variables from group Dt or group Dç. Therefore, it was not possible to identify independent predictors of stroke recurrence. Conclusion: Contrary to what was first expected, it was not possible to establish a predictive value of any of the variables considered, either regarding the patient or the disease itself.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/36718
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
tese doc final.pdf451 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

157
checked on Sep 28, 2020

Download(s)

75
checked on Sep 28, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.