Title: O que foi feito dos planos gerais de urbanização? : opções e tendências na localização e organização espacial da indústria vilas e cidades médias (1930's - 1970's)
Authors: Freitas, Isabelle Leal 
Keywords: Planos gerais de urbanização
Issue Date: Jul-2016
Abstract: Est a dissertação dedica-se ao estudo da consideração que a indústria mereceu no planeamento urbanístico entre as décadas de 1930 e 1970, procurando avaliar a influência que as propostas dos Planos Gerais de Urbanização tiveram na realidade. Os prime iros pólos industriais em Portugal começaram a concentrar-se em Lisboa e no Porto, só posteriormente se começaram a instalar nas vilas e cidades médias, que constituem o universo de casos de estudo desta dissertação. O processo de industrialização em Portugal ocorreu tarde, atingindo o seu auge nas décadas de 50/60 do séc.XX, período concidente com o auge do planeamento urbanístico em Portugal no período em análise, e com a sua integração internacional. As propostas dos Planos Gerais de Urbanização analisadas nesta dissertação datam maioritariamente desse intervalo de tempo. Vários fac tores condicionaram a localização da indústria. Inicialmente, as exigências de salubridade das cidades conduziram à sua descentralização, e à sua concentração nos subúrbios com o uso do princípio do zonamento. Mas também questões relacionadas com a proximidade a uma rede viária principal e às linhas férreas são factores que condicionaram as opções apresentadas nas propostas dos planos. A maior parte destas propostas influenciaram o que hoje existe no que diz respeito à localização das zonas industriais, e a alguma da sua organização espacial. Actualmente, estas áreas industriais incluem, maioritariamente o sector terciário, mais propriamente armazéns de comércio, e não tanto o sector secundário. De modo a responder à questão ‘‘O que foi feito dos Planos Gerais de Urbanização?’’, lançada pela linha de investigação apresentada à disciplina de Seminário em Arquitectura no ano lectivo 2014-2015, em todos os casos de estudo analiso as propostas dos planos em função do existente antes da sua elaboração para determinar o que foi feito e hoje existe. No que diz respeito ao estudo das opções tomadas no planeamento urbano da cronologia em análise, já existem contributos científicos de diferentes ordens disciplinares, mas não em relação ao planeamento industrial. É esse o contributo que se pretende dar com esta dissertação.
T his dissertation is focused on the importance of industry regarding the urban planning in the 30’s and 70’s. The objective is to evaluate the initiatives of Urbanization Plans and its influence. Lisbon and Oporto were the first industrial districts in Portugal followed subsequently by villages and medium cities, which are the case study of this dissertation. The process of industrialization in Portugal occurred later reaching its peak in the decades of 50/60 of the 20th century; coinciding period with the urban planning peak in Portugal and its international integration. The initiatives of Urbanization Plans analyzed in this dissertation are mainly from that specific period of time. T here were several factors that contributed for the industry’s location. Initially the heath conditions of the cities lead to its decentralization and consequent concentration in the suburbs, using the principle of zoning. However, issues relating to the proximity of a main road network and railroad lines ended up conditioning the options presented in the planning initiatives. The vast majority of these initiatives have influenced what we know today as industrial districts location and also some of its spatial organization. Nowadays, these industrial areas are mainly set by the tertiary sector such as retail sales, and not as much the secondary sector. As a re sponse to “O que foi feito dos Planos Gerais de Urbanização?” (What happened to the Initiatives of Urbanization Plans?) issued by the investigation presented in the Architecture Seminar in 2014/2015, I hereby analyze all the plans initiatives regarding what previously existed, in order to determine what has been done and what there actually is. There are several scientific studies regarding Urban Planning in the presented period. But these studies are not related to the industrial planning and that is the aim of this dissertation.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitectura, apresentada ao Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/32928
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Arquitectura - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Isabelle Freitas.pdf249.9 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.