Title: O Espaço como Matéria comum entre a Arquitetura e a Arte Contemporânea - Contaminações entre as duas Disciplinas
Authors: Raposo, Gabriela Maria Malheiro 
Keywords: Arquitetura;Architecture;Arte;Space
Issue Date: 5-May-2017
Citation: RAPOSO, Gabriela Maria Malheiro - O espaço como matéria comum entre a arquitetura e a arte contemporânea : contaminações entre as duas disciplinas. Coimbra : [s.n.], 2017. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/32537
Abstract: A intenção que conduz ao tema desta tese advém da constatação de haver um hiato na definição do espaço como matéria comum às áreas disciplinares da Arte e da Arquitetura Contemporâneas. A pertinência deste estudo surge do facto de, apesar de se tratar de um tema comum de reflexão e abordagem - por críticos, teóricos e filósofos – principalmente desde as primeiras vanguardas do século XX até à atualidade, ainda estar por elaborar um estudo sistematizado sobre o mesmo. Este estudo apresenta como objetivo principal identificar a existência do conceito que se denominou de espaço contaminado como matéria comum à Arquitetura e à Arte. Como objetivos específicos propõe-se: (i) apurar e sistematizar o conceito de espaço contaminado identificado no primeiro objetivo principal, proporcionando o seu enquadramento na Teoria da Arquitetura e na Teoria da Arte da atualidade; (ii) identificar a existência desse espaço contaminado em obras de arquitetura e práticas artísticas contemporâneas internacionais; (iii) analisar obras de arquitetura e de arte portuguesas através de um estudo de caso onde se acredita encontrar-se espaço contaminado. As questões colocadas são validadas através de uma abordagem metodológica qualitativa, na qual se privilegia a revisão bibliográfica, nomeadamente no que se refere à consulta de fontes bibliográficas e documentais, entre as quais são destacados textos literários, textos teóricos e textos histórico-filosóficos. É desenvolvida uma aproximação teórica de pesquisa exploratória sobre: (i) a evolução do protagonismo do espaço, considerado contaminado, através de um enquadramento histórico, teórico e crítico, desde o fim do século XIX até à contemporaneidade no âmbito das matérias da Arte e da Arquitetura; (ii) identificação de práticas contemporâneas onde se encontra o género de espaço em estudo. Finalmente completa-se esta investigação com uma fase empírica de caso de estudo em profundidade, de teor crítico, reflexivo e interpretativo, baseado em obras selecionadas de arquitetos e artistas contemporâneos portugueses, nas quais se reflete o conceito de espaço anteriormente analisado, a saber: os arquitetos portugueses Álvaro Siza, Aires Mateus, João Mendes Ribeiro e Souto Moura; e os artistas portugueses Ângela Ferreira, Carlos Bunga, Fernanda Fragateiro e Pedro Cabrita Reis. Este estudo pretende obter as seguintes conclusões: a validação da pertinência das questões que constituem os objetivos desta tese e o encontro de um universo delimitado que possa ser denominado “espaço de contaminação entre arquitetura e a arte”, compreendendo a sua abrangência, definição e sistematização. Ambiciona igualmente identificar outras formas de contaminação que promovam dialéticas entre as duas matérias. Mas, fundamentalmente procura estabelecer categorias críticas de reconhecimento do território onde a Arquitetura e a Arte interagem, promovendo novos percursos interpretativos, abrindo caminho a novas possibilidades de investigação. Abstract: The intention that is conducted to the theme of this thesis derives from finding a gap in the definition of space as a common matter to the disciplinary areas of Contemporary Art and Architecture. The relevance of this study comes from the fact that, although it is a common theme of reflexion and approach – by critics, theoreticals and philosophers – specifically since the first vanguards of the twentieth century until nowadays, it is still missing a systematized study about the subject. This study presents as its main goal to identify the existence of the concept named contaminated space as a common matter to Architecture and Art. As specific goals it proposes to: (i) investigate and systematize the concept of contaminated space identified in the main goal, providing its framework in the Contemporary Theory of Architecture and Contemporary Theory of Art; (ii) identify the existence of contaminated space in international contemporary architecture as well as international artistic practices; (iii) analyse Portuguese projetcs of architecture and art through a case study process where one believes to find contaminated space . The questions raised are validated through a methodological qualitative approach, in which a bibliografic revision is priviledged, namely to what concerns the consultation of bibliografic and documental sources, among which are highlighted literary texts, theoretical texts, and historical-philosophical texts. A theoretical approach of exploratory research has been developed about: (i) the evolution of space’s protagonism, considered contaminated , through a historical, theoretical and critical framework, since the end of the XIX century until contemporaneity under matters of Architecture and Art; (ii) identification of contemporary international practices where one finds the type of space under study in this thesis. Finally this investigation is completed with an empirical case study phase, of critical, reflective and interpretative content, based on selected works produced by contemporary portuguese architects and artists, i n which the concept of contaminated space is reflected, such as: the portuguese architects Álvaro Siza, Aires Mateus, João Mendes Ribeiro e Souto Moura; and the portuguese artists Ângela Ferreira, Carlos Bunga, Fernanda Fragateiro e Pedro Cabrita Reis. This study aims to achieve the following conclusions: the validation and relevance of the questions that constitute the objectives of this thesis as well as finding a delimited universe that can be named ‘ contaminated space between art and architecture ’, undestanding its scope, definition and its systematization. It also aims to identify other ways of contamination which promote dialetics between both disciplinary areas. However it fundamentally seeks to establish critical categories of recognition of the territory where architecture and art interact, promoting new interpretative paths, paving the way for new research possibilities.
Description: Tese de doutoramento em Arquitetura, apresentada ao Departamento de Arquitetura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/32537
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Arquitectura - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O Espaço como Matéria comum entre a Arquitetura e a Arte Contemporânea.pdf8.67 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.