Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/31679
Title: Cárie dentária infantil. Estudo de prevalência de cárie dentária e seus determinantes sociais, numa amostra de crianças entre os 6 e os 11 anos de idade, do Distrito de Coimbra
Authors: Branco, Valérie Isabel da Silva 
Orientador: Padez, Cristina
Wasterlain, Sofia
Keywords: Saúde oral; Cárie dentária em crianças; Índices cpo-d e CPOD; Determinantes sociais de saúde; Gradiente social; Iniquidades em saúde oral
Issue Date: 2015
Citation: BRANCO, Valérie Isabel da Silva - Cárie dentária infantil. Estudo de prevalência de cárie dentária e seus determinantes sociais, numa amostra de crianças entre os 6 e os 11anos de idade, do Distrito de Coimbra. Coimbra : [s.n.], 2015.
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Numa amostra de 263 crianças, com idades compreendidas entre os 6 e os 11 anos de idade, residentes no distrito de Coimbra, e a frequentarem o 1.º Ciclo do Ensino Básico em três escolas do concelho de Coimbra, foi registado o padrão de frequência e distribuição de cárie dentária. Procedeu-se à caracterização sociodemográfica dos respectivos agregados familiares, à descrição dos seus hábitos de higiene oral e do seu padrão de utilização de serviços de saúde oral. Avaliou-se a prevalência de cárie dentária para as dentições decídua e permanente nos indivíduos da amostra e procurou-se relacionar os seus valores e oscilações com os determinantes sociais de saúde. Dos 6064 dentes observados, 54,5% pertencem à dentição decídua (3302/6064) e 45,5% (2762/6064) à dentição permanente. Das lesões cariogénicas encontradas, verificou-se que, na dentição decídua, 6,42% dos dentes estão cariados, 1,18% foram perdidos por cárie e 0,42% foram obturados. Na dentição permanente, 1,08% dos dentes estão cariados e 0,07% foram perdidos por cárie. Os molares foram a classe de dentes mais afectada por lesões, tanto para a dentição decídua como para a dentição permanente, sendo os molares superiores mais afectados que os inferiores em ambos os casos. Não foram encontradas diferenças significativas nos valores médios da doença entre sexos nem entre as diferentes faixas etárias. Segundo o sistema de classificação da OMS, esta amostra apresenta índices de cárie dentária muito baixos (0,1 a 1,1), apresentando um índice cpo-d de 1,00 e um índice CPO-D de 0,12. Comparam-se os resultados obtidos com os de um estudo realizado com uma amostra semelhante em 2010, que obteve índices de cárie classificados de muito baixos a baixos. Verificaram-se, assim, sinais positivos de mudança que se deverão em larga medida à implementação do Programa Cheque-Dentista e aos benefícios por ele trazidos através do acesso a um conjunto de cuidados de medicina dentária nas áreas da prevenção, diagnóstico e tratamento. Confirmou-se a existência de um gradiente social de saúde quando, ao comparar vários parâmetros, se verificou uma tendência para que os indivíduos de estatuto socioeconómico inferior apresentassem resultados mais desfavoráveis. Observou-se, da mesma forma, a existência de iniquidades em termos de acesso a cuidados de saúde oral por parte dos indivíduos de estatuto socioeconómico inferior. Constatou-se a necessidade das crianças desta amostra melhorarem os seus hábitos de higiene oral, de forma a conservarem no futuro o seu potencial de saúde. Como tal, devem-se fazer esforços no sentido de promover uma higiene oral frequente e correcta entre as crianças, devendo a Escola desempenhar um papel activo nesse sentido.
In a sample of 263 Portuguese schoolchildren aged 6-to-11-years old, residents in the Coimbra district, and studying in three schools of the city of Coimbra, the pattern of frequency and distribution of dental decay among them was investigated. Data about the socioeconomic characteristics of the families, the children‟s tooth brushing habits, and the pattern of oral healthcare service, was examined. The prevalence of dental decay in primary and permanent dentition was accessed, and their mean differences were correlated with the social determinants of health. From the 6064 analyzed teeth, 54.5% belong to the primary dentition (3302/6064) and 45.5% (2762/6064) belong to the permanent dentition. From the deciduous teeth, 6.42% are decayed, 1.18% are missing, and 0.42% are filled. From the permanent teeth, 1.08% are filled and 0.07%. Overall, the molars have been the most affected by cariogenic lesions in booth dentitions, especially the lower ones. No differences were found in the mean values of the disease between both sexes, or between age groups. According to the WHO classification system, the levels of dental caries in this sample are very low (0.1-1.1), presenting the sample a dmf-t score of 1 and a DMF-T score of 0.12. The results obtained for this sample were compared with the ones found in a study performed in 2010, with a similar sample. In this case the dmf-t and DMF-T levels ranged between very low and low. The positive changes observed in the present sample probably reflect the implementation of the Cheque-Dentista program, its widespread use, and their benefits in an array of oral healthcare services, ranging from prevention to diagnosis, and treatment. A social gradient of health was identified. When relating some socioeconomic aspects, it was found that the individuals of higher socioeconomic status have better health results in comparison with the individuals of lower socioeconomic status. The existence of health inequalities was also found, with lower socioeconomic individuals experiencing more difficulties in accessing oral healthcare services. The children of this sample need to improve their tooth brushing habits in order to protect and maintain a good oral health status in the future. Efforts should be made to promote regular and effective oral hygiene in all children, and the School should have a critical role in this matter.
Description: Dissertação de mestrado em Antropologia Médica, apresentada ao Departamento de Ciências da Vida da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/31679
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CIAS - Dissertações de Mestrado
FCTUC Ciências da Vida - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Cárie Dentária Infantil.pdf1.59 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

733
checked on Oct 1, 2019

Download(s) 5

2,726
checked on Oct 1, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.