Title: O Conflito Ético-Político em Paul Ricoeur
Authors: Valente de Abreu, Hugo António 
Keywords: Ética;Política
Issue Date: 4-Feb-2016
Abstract: A minha dissertação procura explicitar o pensamento de Paul Ricoeur relativamente ao conflito ético-político. Para iniciar esta reflexão parece-me pertinente reconhecer o papel basilar da sua antropologia filosófica. O homem é concebido enquanto sujeito-corpo, desconstruindo o cogito tradicional apresentado ao Ocidente pela filosofia cartesiana. O sujeito é agora uma estrutura dialógica entre o eu e o seu corpo, um cogito integral, onde se pode, através da sua relação, entender a relevância do problema do mal. O mal ou o sofrimento obriga a identificar o indivíduo no seu agir, enquanto possuidor da sua liberdade. A partir daqui encontram-se as bases para alcançar todo o problema ético e político deste autor; há uma vontade em demonstrar a íntima relação entre ética e política, mediada pela relação com a moral e justiça. O problema referido facilita a compreensão da relação entre ética e moral, visto que o homem deseja viver-bem com outros em instituições justas. Com efeito, a ética e o seu desejo devem ser submetidos ao crivo da norma devido à existência do mal cometido, não podendo as normas esquecer o seu objetivo ético originário. Na contemporaneidade existe uma quase vontade de separar os dois conceitos de ética e política, considerando-os mesmo antagónicos, no entanto, eles necessitam da sua proximidade, esta é a convicção de Ricoeur. A ética realiza-se na política, isto porque a política é mais do que o conjunto de indivíduos que pretendem o viver-bem. Na dualidade entre voluntário e involuntário presente no seu agir, o sujeito toma consciência da sua desproporção e posteriormente da sua fragilidade. A novidade da filosofia ricoeuriana consiste na identificação da construção falível que compõe o sujeito, a raiz desta estrutura está na sua desproporção. Além disso, ao reconhecer a sua falibilidade, ele compreende-se como vulnerável. Neste sentido, o homem necessita da sua relação com o mundo e com o outro, porque só desta forma será possível a reconstrução de um novo sentido na sua identidade. A urgência deste tema surge numa altura em que a contemporaneidade conclui que os seus sistemas políticos se demonstram insuficientes, exigindo-se, por isso, uma profunda reflexão sobre a política. O agir político e todo o seu edifício devem ser analisados e repensados, criando um distanciamento de pressupostos tecnocratas e financeiros. Sem dúvida, a política deve ser reabilitada, só assim será possível recuperar a confiança na sua ação; esta não pode jamais subjugar-se a outros poderes. Parece-me fundamental que o seu agir volte a centrar-se de forma responsável sobre todos aqueles que representa, só desta forma se poderá realizar a intenção ética de Ricoeur em viver-bem com outros nas instituições justas. É minha convicção que a obrigação desta análise reside na esperança de um futuro para qualquer comunidade.
My dissertation focuses on the analysis of Paul Ricoeur’s thinking on the ethical-political conflict. To begin with, it seems important to recognize the essential role of his philosophical anthropology, in which the human being is defined as a combination of subject/body, in contrast to the traditional cogito of the cartesian philosophy. The subject is seen as a dialogical structure between himself and his body, an integral cogito, which allows to understand the importance of the problem of evil. The evil or suffering must identify the individual in his act, as a holder of his freedom. These ideas are crucial to comprehend the ethical-political problem of this author, as well as to demonstrate the intimate relationship between ethics and politics, mediated by the relationship between moral and justice. The ethical-polítical problem facilitates the understanding of the relationship between ethics and moral, due to the fact that the human being wishes to live and relate with others in fair institutions. In fact, the ethical desire has to be submitted to the norms, which must not be set apart from its original ethical aim. Nowadays, in Ricoeur’s opinion, there is a need to separate the concepts of ethics and politics and consider them antagonic; however, they also have to be considered close. Ethics is reflected in politics, as politics is associated with a group of individuals who intend the well-living. The subject realizes the disproportion and the fragility of his act only when confronted with the duality between voluntary and involuntary actions. The novelty of the Ricoeur’s philosophy consists in the identification of the fragile construction of the subject and that the core of this structure is in it disproportion. In addition to that, the subject becomes vulnerable with the recognition of his fallibility. Thus, the human being needs the relationship with the world and the others, because it is the only possible way to reconstruct a new meaning in his identity. A deep analysis of the politics is of utmost importance nowadays, due to the fact that the modern society is aware that the major political systems are insufficient and require urgent changes. The political action and the system it relies on have to be analysed and altered, creating a structure without financial and technocratic assumptions. It is now evident that politics has to suffer rehabilitation, which is the only way to recover the society’s trust in the political action that cannot be subjected to other power. Therefore, it seems essential to me that the human action has to be responsibly re-centered in those who are represented, allowing the Ricoeur’s ethical intention to be realized: live well with others in fair institutions. I am convicted that this work may represent a hopeful future to any modern society.
Description: Tese de Mestrado em Ética e Política apresentada à Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/30441
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Secção de Filosofia - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O Conflito Ético-Político em Paul Ricoeur.pdf1.73 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.