Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/29052
Title: Arquitetura, Cidade e Caminho de Ferro: as transformações urbanas planeadas sob a influência do caminho de ferro
Authors: Alves, Rui Manuel Vaz 
Orientador: Bandeirinha, José António Oliveira
Keywords: Arquitetura; Arquitetura e caminho de ferro; Urbanismo e ferrovia no século XX; Cidade e caminho de ferro
Issue Date: 11-Nov-2015
Citation: ALVES, Rui Manuel Vaz - Arquitetura, cidade e caminho de ferro : as transformações urbanas planeadas sob a influência do caminho de ferro. Coimbra : [s.n.], 2015. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/29052
Abstract: A implantação da ferrovia está associada ao nascimento do urbanismo no século XIX. A arquitetura da cidade viria a ser profundamente marcada por isso. Mas é durante todo o século XX que se dão as grandes transformações planeadas na cidade, com a influência direta ou indireta do caminho-de-ferro. No início do século XXI emergem novas perspetivas para as alterações nas estruturas urbanas. Nessas alterações entrará em jogo uma combinação sistémica de fatores, em que os transportes, com os vários subsistemas ferroviários à cabeça, terão um papel preponderante. Afigura-se indispensável o reconhecimento das conformações arquitetónicas e territoriais desse subsistema na cidade planeada do século XX e perceber as perspetivas que se abrem para o século XXI. A dissertação procura caracterizar as relações entre arquitetura, urbanismo, cidade e caminho-de-ferro, com destaque para a implantação da ferrovia e a consequente produção de tecido urbano. Caracteriza a arquitetura dos equipamentos e das edificações ferroviárias. Evidencia a evolução e o desenvolvimento dos projetos e das obras ferroviárias, das estações e edifícios de passageiros. Recolhe a análise da informação sobre planeamento, programação, organização e funções dos equipamentos. Estuda a arquitetura, os planos, as tipologias, as diretivas nesta área. Procura estabelecer a relação entre desenho, projeto, composição urbana e ferrovia. Evidencia a morfologia da estação ferroviária e a inserção na estrutura funcional da cidade. O estudo salienta o planeamento ferroviário no seio das cidades portuguesas: nós urbanos, expansões, fronteiras, estrangulamentos, inserção e ligações do edifício de passageiros com o tecido urbano. Analisa o vocabulário arquitetónico e a gramática urbanística: praças, largos, ruas ou avenidas da estação, habitação, comércio, hotelaria, indústria, … Evidencia tipologias e explica características da estrutura urbana. A dissertação mostra também a relação entre planeamento e sistema ferroviário, numa leitura diacrónica dos planos e dos projetos urbanos na envolvente ferroviária. Destaca casos paradigmáticos de transformações planeadas na cidade do século XX. Procura evidenciar a articulação com os principais elementos urbanos. Faz a análise crítica das transformações. Estuda a influência da ferrovia sobre a forma e a estrutura urbana da cidade. Inclui propostas, realizações, alterações subsequentes que abordam a problemática das linhas e das estações encerradas, com “a apropriação ou reconversão urbana” das estruturas ferroviárias. Destacam-se e analisam-se, de forma crítica, transformações e alterações funcionais da estrutura da cidade e da estação ferroviária: a renovação, a remodelação e a reconversão dos edifícios de passageiros, a redefinição dos seus programas e dos tecidos envolventes das estações. Procura-se enquadrar o papel de cada instituição interveniente: CP; REFER, municípios, empresas. Trata-se assim de perceber as condicionantes do sistema ferroviário nos planos de urbanização do século XX em Portugal. A última parte do trabalho põe em destaque os planos para as futuras transformações da cidade, das estações e do caminho-de-ferro. Faz uma projeção nas cidades com ligações suburbanas e perscruta a antevisão das problemáticas urbanísticas com as estações para a alta velocidade. A reflexão sobre esta análise permite enquadrar a problemática da relação da cidade com a ferrovia e extrair diretivas reguladoras para futuras intervenções. Conclui-se da dimensão dos processos de instalação, ampliação, alteração e renovação dos equipamentos e das áreas ferroviárias, bem como das transformações do território ou dos tecidos urbanos à volta dessas zonas. No século XX a evolução desses centros urbanos assentou sobre dois fenómenos de urbanização aparentemente contraditórios. Por um lado, o da rutura com o espaço construído; e por outro, da homogeneidade e da continuidade com o passado. Uma leitura diacrónica e comparativa de vários casos permite salientar as constantes urbanísticas na passagem da cidade existente para a cidade moderna; e pode também constituir um esboço parcial de uma análise crítica da cidade contemporânea, sujeita à pressão do movimento e à dinâmica das deslocações intra e intercidades. Um conjunto de leituras sincrónicas, focadas no contexto ferroviário, sobre a sua arquitetura, as tipologias e as morfologias desses fenómenos, proporciona uma ferramenta crítica para projetos urbanísticos nessas áreas da cidade moderna. Em suma, a investigação pretende ser mais um contributo para o estudo da arquitetura e das conformações urbanas do século XX.
The implementation of the railroad is connected with the origin of urbanism in the nineteenth century. The architecture of the city would be strongly affected by that. But it is throughout the twentieth century that occur big changes planned for the city, with direct or indirect influence of the railway. At the beginning of the twenty-first century new perspectives emerge for changes in urban structures. For those changes will come into play a systemic combination of factors, where the means of transport, especially the various railway subsystems, will have a leading role. It seems essential the recognition of architectural and spatial conformations of that subsystem in the planned city of the twentieth century and realise the prospects that open up to the twenty-first century. The dissertation seeks to characterize the relationships between architecture, urbanism, city and railway, with emphasis on the implementation of the railroad and the consequent production of urban fabric. It characterizes the architecture of railway equipment and buildings. It shows the evolution and development of railway projects and works, of the stations and passengers’ buildings. It collects the analysis of the information on planning, programming, organization and functions of the equipment. It studies the architecture, the plans, the types, the policies in this area. It seeks to establish the relationship between drawing, design, urban composition and railroad. It highlights the morphology of the train station and its insertion on the functional structure of the city. The study emphasizes the railway planning within the Portuguese cities: urban nodes, expansions, borders, bottlenecks, insertion and links of the passengers building with the urban fabric. It analyses the architectural vocabulary and the urban grammar: squares, streets and avenues of the station, residential, retail, hospitality, industry, ... It evidences types and explains characteristics of the urban structure. The dissertation also shows the relationship between planning and railway system, in a diachronic reading of plans and urban projects in the railway environment. It highlights paradigmatic cases of changes planned in the city of the twentieth century. It seeks to highlight the links between the main urban elements. It makes a critical analysis of transformations. It studies the influence of the railroad on the shape and urban structure of the city. It includes proposals, achievements, subsequent changes that address the problem of closed lines and closed stations, with "the urban appropriation or redevelopment" of railway structures. Highlights and analysis are made, in a critical way, on transformations and functional changes of the structure of the city and of the railway station: the renovation, remodelling and conversion of the passengers’ buildings, the redefinition of its programs and the stations’ surrounding areas. An attempt is made to frame the role of each intervening institution: CP, REFER, municipalities, businesses. It is an effort o understand the constraints of the railway system in the urbanization plans of the twentieth century in Portugal. The last part of the work highlights the plans for future transformations of the city, the buildings and the railway. It makes a projection in the cities with suburban connections and examines the foresight of the urban problems with the high speed railway stations. The reflection on this analysis allows to frame the issue on the relationship of the city with the railroad and to extract regulatory directives for future interventions. The conclusion is on the size of the processes of installation, extension and renewal of railway equipment and areas, as well as the transformations of the territory or the urban fabric around those areas. In the twentieth century the evolution of urban centres was based on two seemingly contradictory phenomena of urbanization. On the one hand, the rupture with the built space, and on the other hand, the homogeneity and continuity with the past. A diachronic and comparative reading of several cases highlights the urban constants on the passage of the existing city to the modern city, and may also be a partial sketch of a critical analysis of the contemporary city, subject to the pressure of the movement and of the dynamics of movements intra and intercity. A set of synchronous reads, focused in railway environment, on their architecture, the typologies and morphologies of these phenomena, provides a critical tool for urban projects in those areas of the modern city. In short, the research intends to be a contribution to the study of architecture and urban conformations of the twentieth century.
Description: Tese de doutoramento em Arquitetura, na especialidade de Planeamento/Desenho Urbano, apresentada ao Departamento de Arquitetura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/29052
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CES - Teses de Doutoramento
FCTUC Arquitectura - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ArquiteturaCidadeCaminhodeFerro_Volume_II.pdf6.4 MBAdobe PDFView/Open
ArquiteturaCidadeCaminhodeFerro_Volume_I.pdf33.59 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

754
checked on Jul 16, 2019

Download(s) 1

34,154
checked on Jul 16, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.