Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/27560
Title: Métodos rápidos de diagnóstico etiológico na pneumonia
Authors: Eulálio, Margarida Isabel Bregieiro 
Orientador: Santos, Rui Marques
Santos, Arsénio
Keywords: Pneumonia
Issue Date: 2009
Abstract: A pneumonia permanece como uma das maiores causas de morbilidade e mortalidade a nível mundial, apesar dos avanços no conhecimento da sua etiologia, epidemiologia e tratamento. São inúmeros os agentes responsáveis por esta entidade; no entanto, a sua etiologia permanece indeterminada em mais de 50% dos casos. Actualmente, é consensual que um diagnóstico etiológico tem não só implicações a nível individual, como em termos epidemiológicos. Os métodos de diagnóstico etiológico tradicionais não satisfazem as necessidades actuais. São demorados, pouco sensíveis e específicos, não distinguem entre infecção e colonização e são influenciados por antibioterapia prévia. Cerca de 6 a 15% dos doentes hospitalizados por pneumonia adquirida na comunidade não responde a antibioterapia empírica e o insucesso da terapêutica pode ser superior a 40% em doentes com maior número de critérios de gravidade. É neste contexto que surge a necessidade da aplicação de métodos moleculares ao diagnóstico de pneumonia, como as técnicas de amplificação de ácidos nucleicos, inicialmente a Polymerase Chain Reaction, com posterior desenvolvimento de variantes desta técnica e métodos de Nucleic Acid Sequence Based Amplification, análises multiplex, técnicas real-time, métodos quantitativos e DNA microarrays. Com este trabalho pretende-se fazer uma revisão teórica dos métodos rápidos de diagnóstico etiológico de pneumonia, comparando-os aos métodos tradicionais, evidenciando a sua utilidade na prática clínica, como meio de reduzir o recurso a antibioterapia empírica, através de uma célere identificação dos agentes etiológicos, diminuindo a morbilidade e mortalidade.
Despite advances in knowledge of etiology, epidemiology and treatment, pneumonia remains a major cause of morbidity and mortality worldwide. There are a number of organisms responsible for this disease; still its etiology remains undetermined in more than 50% of the cases. It is now clear that a specific diagnosis has implications not only individually but also epidemiologically. Traditional methods for etiological diagnosis do not meet current needs. They are time consuming, have low sensitivity and specificity, do not distinguish between infection and colonization and are influenced by previous antibiotic therapy. About 6 to 15% of patients hospitalized with community-acquired pneumonia do not respond to empirical antibiotic therapy and therapeutic failure may be greater than 40% in patients with more severity criteria. It was in this setting, that the need arose for the application of molecular methods to the diagnosis of pneumonia, such as nucleic acid amplification techniques, initially the polymerase chain reaction, with the subsequent development of its variants and Nucleic Acid Sequence Based Amplification, multiplex assays, real-time and quantitative methods and DNA microarrays. This work’s aim is to review the current state of rapid methods for etiologic diagnosis of pneumonia, comparing them to traditional methods. Focus is given to their clinical usefulness as a means to reduce empirical antibiotic therapy and as a tool for rapid identification of etiological agents, reducing morbidity and mortality.
Description: Dissertação de mestrado em Medicina (Medicina Interna), apresentado á faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/27560
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
CAPA - tese mestrado.pdfCapa47.61 kBAdobe PDFView/Open
Trabalho Final.pdfDocumento principal2.48 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

742
checked on Oct 1, 2020

Download(s) 50

386
checked on Oct 1, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.