Title: Ecology of practice of youth male soccer athletes
Other Titles: Ecologia de prática de jovens futebolistas masculinos
Authors: Santos, Artur Jorge Baptista dos 
Keywords: Context;Contexto;Assets;Enjoyment;Attitudes;Activos;Satisfação
Issue Date: 11-May-2015
Citation: SANTOS, Artur Jorge Baptista dos - Ecology of practice of youth male soccer athletes. Coimbra : [s.n.], 2015. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/26370
Abstract: The sport context has potential to foster positive youth development, contributing to individual and community improvement. However, sport involvement does not necessarily mean positive development. This research has a sport pedagogy aim and focuses on the analysis of experiences in different contexts of the practice of soccer. Bronfenbrenner's bioecological theory of human development (1999) provided a good framework to study the positive youth development. The developmental assets were based on that ecological theory and are considered as predictors of positive development. The enjoyment construct is related to adhesion and maintenance in activities such as sport. This positive affective response is relevant when you intend to get people involved in sport, allowing them to be influenced through an acculturation process. During sport participation athletes have to make choices on practice and competition, developing behaviours and acquiring values, some of which can be negative and contrary to the modern sport spirit, such as cheating or gamesmanship. To analyse the contextual influences on youth male soccer athletes’ positive development both quantitative and qualitative methods were used to make: a) three different context clubs organization analysis, b) translation and validation of the Developmental Assets Profile and Sources of Enjoyment in Youth Sport Questionnaire, c) contextual, age and time effects on youth soccer athletes enjoyment, assets and attitudes. The methods as well as the sample characteristics are deeply described in the respective studies (Chapters). The findings reveal differences between the professional club and the rural and urban amateur clubs. They present specificities related to their own culture (e.g. performance vs recreation) and context (e.g. local demography). The professional club is in itself a disadvantage context for positive youth development, when compared to the amateur ones, mainly the rural amateur club. The soccer athletes (between the ages of 12-18) from the rural amateur club present better levels of positive development through sport participation. This study reinforces the concerns about the need to implement programs that aim at recreation and promotion of youth positive development. It also enriches the literature of sport pedagogy highlighting the importance of context and, therefore, the role of the coaches and managers in youth sport experiences. The sport actors that interact with the youth during their development should pay attention to their personal (e.g. age) and contextual (e.g. professional, amateur; urban, rural) characteristics, interests and needs.
O contexto desportivo tem potencial para promover o desenvolvimento positivo dos jovens atletas, contribuindo para o desenvolvimento do indivíduo e, consequentemente, da sociedade. No entanto, o desporto também pode afetar negativamente o desenvolvimento do indivíduo envolvido no desporto. A presente pesquisa contribui para o aditamento de conhecimento na área da pedagogia do desporto. Esta foi focalizada para as experiências nos diferentes contextos de prática de futebol jovem masculino. A teoria bioecológica de desenvolvimento humano de Bronfenbrenner's (1999) providencia um bom quadro teórico para o estudo do desenvolvimento positivo dos jovens. O modelo dos ativos de desenvolvimento foi desenvolvido com base neste modelo e são considerados como preditores de desenvolvimento positivo. A satisfação está associada à adesão e manutenção de atividades, tais como, o desporto. É importante prestar atenção à resposta afetiva às experiências desportivas dos participantes para promover o envolvimento no desporto e desse modo o indivíduo estar sujeito ao processo de aculturação desse contexto e programa. Durante a participação desportiva os atletas têm que tomar opções nos treinos e competições, adquirindo valores e desenvolvendo comportamentos. No entanto, alguns destes podem ser negativos e contrários ao espírito do desporto moderno e pedagógico, tais como, batota e antidesportivismo. Para analisar as influências contextuais no desenvolvimento positivo dos jovens futebolistas recorreu-se a diferentes métodos, como é o caso dos quantitativos e qualitativos. No desenvolvimento desta pesquisa foram utilizados métodos para proceder a: a) análise de três organizações desportivas (clubes) de diferentes contextos, b) tradução e validação para Língua Portuguesa do Perfil de Ativos de Desenvolvimento (Developmental Assets Profile) e do Questionário de Fontes de Satisfação no Desporto Jovem (Sources of Enjoyment in Youth Sport Questionnaire), c) efeitos contextuais, temporais e pessoais na satisfação, ativos e atitudes de jovens futebolistas masculinos. Os métodos são descritos mais detalhadamente nos respetivos estudos, bem como a características da amostra analisada. Os resultados revelaram diferenças entre o clube profissional e os clubes amadores de contexto rural e urbano. Estes apresentam especificidades relacionadas com a sua cultura (e.g. performance vs recreação) e contexto (e.g. demografia do local). O clube profissional apresenta-se como um contexto de desvantagem para o desenvolvimento positivo jovem, quando comparado com os clubes amadores, principalmente, o de contexto rural. Os futebolistas (idades entre 12-18 anos) do clube amador de contexto rural revelam melhores níveis de desenvolvimento positivo através da participação desportiva. Este estudo reforça as preocupações acerca dos programas desportivos implementados com fins recreativos e de desenvolvimento positivo do jovem. A literatura na área da pedagogia do desporto é enriquecida por esta pesquisa, a qual realça a importância do contexto e, consequentemente, dos treinadores e dirigentes nas experiências desportivas do jovem. Os atores desportivos que interagem com o jovem em desenvolvimento devem dar e ter em atenção às caraterísticas pessoais (e.g. idade) e contextuais (e.g. profissionais, amador; urbano, rural), interesses e necessidades.
Description: Tese de doutoramento em Ciências do Desporto, no ramo de Treino Desportivo, apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/26370
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ecology of practice of youth male soccer athletes.pdf2.74 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.