Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/26057
Title: A regressão da cirrose na Hepatite B
Authors: Pinto, Carla Sofia Madureira 
Orientador: Santos, Rui Manuel de Carvalho Marques dos
Keywords: Hepatite B crónica; Cirrose hepática
Issue Date: 2010
Abstract: Introdução: O vírus da hepatite B é um Hepadnavirívus, com tropismo para os hepatócitos. Em todo o mundo, estima-se a existência de 2 mil milhões de pessoas infectadas com o vírus entre as quais 350 milhões padecem de hepatite B crónica. Por ano morrem aproximadamente 600.000 pessoas devido a hepatite B aguda ou crónica. A resposta imuno mediada decorrente da lesão mantida do vírus nos hepatócitos conduz à formação de fibrose. O esclarecimento dos mecanismos moleculares e celulares que regulam o balanço entre a formação dos constituintes da matriz extracelular e a sua degradação permitem a compreensão do processo da fibrogénese. Esta pressupõe acumulação de matriz extracelular, com alteração dos seus constituintes quer qualitativamente quer quantitativamente. A fibrólise, é o processo de degragação da matriz extra celular e está dependente da actuação de metaloproteases. O desequilíbrio destes processos resulta na acumulação ou diminuição da fibrose. A fibrose hepática é um processo dinâmico e reversível, mas cirrose, último estádio da fibrose, considerada por muitos autores irreversível, pode também regredir desde que se verifique, a remoção do estímulo fibrótico, o vírus, no caso da hepatite B. A morbilidade e a mortalidade na hepatite B crónica, está relacionada com a persistência da replicação viral, evolução para cirrose e carcinoma hepatocelular. Objectivos: Revisão bibliográfica sobre os resultados obtidos de regressão da fibrose/cirrose em doentes com hepatite B crónica. A regressão da cirrose na Hepatite B 2010 5 Conclusões: Os agentes anti-virais disponíveis para o tratamento da hepatite B crónica apresentam capacidade de controlo da replicação do vírus. A supressão mantida é sinónimo de eficácia terapêutica e modificação natural do curso da doença. A regressão da cirrose na hepatite B crónica, observada em alguns casos, está associada a diminuição da incidência das suas complicaçõese deve constituir um objectivo terapêutico.
URI: http://hdl.handle.net/10316/26057
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese de Mestrado.pdfDissertação749.94 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

831
checked on Dec 3, 2019

Download(s) 50

463
checked on Dec 3, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.