Title: Bases para um Plano de Acção da Salvaguarda dos Revestimentos e Acabamentos Tradicionais em Centros Históricos: O caso de estudo do Plano de Cor do Centro Histórico de Coimbra
Authors: Costa, Pedro Francisco Mendes Pinheiro da Providência e 
Keywords: Arquitectura e Construção
Issue Date: 30-Dec-2014
Citation: COSTA, Pedro Francisco Mendes Pinheiro da Providência e - Bases para um plano de acção da salvaguarda dos revestimentos e acabamentos tradicionais em centros históricos : o caso de estudo do plano de cor do centro histórico de Coimbra. 2 vol. Coimbra : [s.n.], 2014. Tese de doutoramento. Disponível na WWW em: <http://hdl.handle.net/10316/25282>
Abstract: Resumo (Bases para um Plano de Acção da Salvaguarda dos Revestimentos e Acabamentos Tradicionais em Centros Históricos: o Plano de Cor do Centro Histórico de Coimbra ) No decurso do século XX, os sistemas construtivos tradicionais foram lenta e directamente substituídos pelos de natureza industrial. Como consequência, os sistemas tradicionais de construção, particularmente as técnicas de revestimentos e acabamentos históricos, foram aos poucos caindo no esquecimento. Por esse motivo, as imagens urbanas dos centros históricos, têm vindo, nas últimas décadas, a sofrer profunda e rápida descaracterização. Isso mesmo aconteceu com o Centro Histórico de Coimbra (CHC). O presente estudo tem como objectivo a investigação da "epiderme", isto é, das cores, das texturas, dos revestimentos, das superfícies arquitectónicas, entre outros elementos que marcam a imagem do núcleo urbano histórico de Coimbra, de modo a criar uma base de trabalho que permita apoiar a execução de um Plano de Cor, bem como acções de manutenção e restauro de outros centros históricos. Deste modo, (i) estudámos cartas e convenções internacionais com recomendações relativas a intervenções no património histórico, bem como protocolos de referência para estudos cromáticos em núcleos urbanos históricos; (ii) estudámos a evolução urbana do CHC, desde a antiguidade aos dias de hoje; (iii) confrontámos imagens antigas e actuais do CHC; (iv) acompanhámos estudos laboratoriais de revestimentos históricos, de modo a determinar as suas propriedades e as técnicas utilizadas na sua execução. Neste contexto, foram contactados especialistas de diversas áreas científicas relacionadas com a salvaguarda do património arquitectónico, bem como artesões conhecedores dos sistemas construtivos tradicionais, nomeadamente dos revestimentos e acabamentos de cal, para recolhermos os processos de extração e transformação de matérias-primas e de execução de técnicas dos revestimentos e acabamentos de cal. Procurámos também a proveniência dos materiais identificados na caracterização laboratorial dos revestimentos estudados, nomeadamente a proveniência dos agregados e das cais; (v) analisámos o desempenho dos revestimentos e acabamentos históricos e modernos nas construções antigas; (vi) partindo dos registos da estratigrafia dos revestimentos - nomeadamente das cores identificadas nas várias camadas dos revestimentos (arqueologia da cor), que ao longo do tempo foram executadas, num processo em que as novas camadas são aplicadas sem remover as antigas -, interpretámos as composições cromáticas entre os diferentes elementos arquitectónicos que participam na(s) tipologia(s) de alçado, concretamente no que respeita às pinturas realizadas nos edifícios históricos; (vii) analisámos as diferenças cromáticas encontradas nas superfícies revestidas de (produzidas por) materiais antigos e materiais modernos; (viii) analisámos a interferência da luz solar na percepção das cores ao longo do dia. Partindo dos resultados obtidos, analisámos a função desempenhada pela cor na imagem do CHC, ao longo dos tempos, num contexto sócio cultural, e.g., quais as cores predominantes em edifícios de estratos sociais mais elevados, considerando o custo elevado de determinadas cores, ou, como a cor se transformou numa bandeira politica, no sentido em que a imagem dum sítio pode ser rapidamente alterada com uma simples pintura. Por outro lado, constatámos que, para além das cores das pinturas, a cor dos certos materiais, nomeadamente da pedra, foi sempre a mais marcante na imagem do CHC. Por último, apresentamos uma proposta metodológica de natureza operativa em estudos ou intervenções em centros históricos, tomando por referência o caso do CHC. Nesta proposta incluímos critérios de “regulamentação” das intervenções e propomos medidas de sensibilização do público para ações de salvaguarda do Património Cultural - património material e património imaterial. Defendemos que o público seja incentivado a colaborar nestas ações. Abstract Basis of a Plan of Action for the Protection of Traditional Coverings and Finishing Touches in Historical Centres: the Color Plan of the Coimbra Historical Centre. Throughout the twentieth century, traditional construction and repair methods have been gradually replaced by industrial methods. As a result, traditional construction techniques, such as the traditional covering and finishing techniques, were slowly forgotten. Therefore, the urban images of Historical Centres, such as the Historical Centre of Coimbra, are quickly losing their character. The objective of this work is to investigate and to analyse the “epidermis”, that is, the colours, the textures, the coverings, the architectonic surfaces, among other elements, which still exist and distinguish the urban image of the city of Coimbra, more precisely of its Historical Centre (HC). We are particularly interested in the "Alta", which is the upper fortified part of the city, in order to define intervention criteria which will protect its image, and to gather useful information for future maintenance and restoration actions of Historical Centres in general. To this end, (i) we studied international conventions, charters and recommendations concerning interventions in the historical heritage, as well as reference protocols for chromatic studies in historical urban centres; (ii) we studied the urban evolution of the Coimbra Historical Centre, from ancient times till nowadays; (iii) we have compared ancient pictures of the Coimbra Historical Centre with current ones; (iv) we have followed the execution of laboratorial analysis of the historical coverings, designed to determine their properties and the techniques used in their production. In this context, we have contacted specialists in scientific fields related with the protection of the historical heritage and artisans, experts in traditional construction methods, which enabled us to get to know the methods of extraction and transformation of raw materials. We also searched the provenance of the materials which were detected in the laboratorial characterization of the coverings, namely, the provenance of aggregates and limes, (v) we analysed the performance of old and modern coverings and finishing touches in historical buildings; (vi) on the basis stratigraphic analysis of the coverings, particularly of the colours in the several layers of the coverings (archaeology of the colour), arising from a process according to which, throughout the time, a new layer is applied without removing the old one, we have been able to guess the chromatic composition between the different architectonic elements of the façades, specially with respect to the painting in historical buildings; (vii) we have analysed the chromatic differences in surfaces covered by (produced by) ancient materials and by modern ones; (viii) we have analysed the intervention of sun light on colour perception, throughout the day. On the basis of the obtained results, we have analysed the role of colour throughout the century, in the image of the Coimbra Historical Centre, in a socio-cultural context, for instance, with respect to colour predominance in buildings belonging to higher social strata, having in mind the high cost of some colours, or how colour became a political symbol, in the sense that the image of a place may be quickly modified by a simple painting. On the other hand, we have noticed that, beyond the painting, the image of the Coimbra Historical Centre is strongly marked by the colour of the stone. Finally, we present a methodological proposal of an operative nature concerning studies and interventions in historical centres, taking the case of the Coimbra Historical Centre as a reference. In this proposal, regulating criteria for intervention actions are included, and suggestions of measures for making the public opinion aware of the importance of heritage protection, are presented, concerning the material and immaterial heritage. The collaboration of the public in these actions is advocated.
Description: Tese de doutoramento em Arquitectura (Pré-Bolonha), especialidade de Arquitectura e Construção, apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/25282
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CES - Teses de Doutoramento
FCTUC Arquitectura - Teses de Doutoramento

Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.