Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/24609
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorRamos, Jaime Albino-
dc.contributor.authorParedes, Tânia Filipa Martinho-
dc.date.accessioned2013-12-06T16:44:44Z-
dc.date.available2013-12-06T16:44:44Z-
dc.date.issued2013-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/24609-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Biologia, apresentada ao Departamento Ciências da Vida da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.por
dc.description.abstractAs aves limícolas migradoras necessitam de fazer paragens, para se restabelecerem em termos de energia, durante a migração. Muitos estuários e outros habitats intertidais são os principais pontos de paragem para estas aves ao longo da sua rota migratória. No entanto, cada vez mais estes habitats têm sofrido alteração e redução por diversos fatores, nomeadamente devido a ações antropogénicas. Este facto tem implicações ao nível da conservação das espécies de limícolas, pois a redução destas áreas, torna insuficiente o espaço para albergar as aves, o que muitas vezes resulta em conflito entre indivíduos por recursos alimentares. Para colmatar este problema, zonas de salinas começaram a ser estudadas como habitats alternativos a estes territórios intertidais. Embora, hoje em dia, as salinas em geral estejam cada vez mais em desuso, estudos mostram que estas podem proporcionar refúgio às aves durante a preia-mar, e começam também a ser vistas como áreas importantes de alimentação. Neste sentido, o presente trabalho estudou a gestão dos níveis de água num tanque pertencente ao complexo de salinas do Samouco, tendo em vista o comportamento alimentar de determinadas espécies de aves limícolas, comuns nestas salinas, e o impacto no consumo de invertebrados por parte destas. O tanque foi mantido com níveis de água elevados durante alguns meses, antes do início da experiência, encontrando-se por isso inacessível para as aves. Após a sua drenagem, espécies de maior porte como Perna-longa (Himantopus himantopus), Maçarico-de-bico-direito (Limosa limosa) e Perna-vermelha-comum (Tringa totanus), apareceram no local, quando os níveis de água estavam próximos dos 15 cm, ficando poucos dias, até os níveis baixarem para valores próximos do zero. Com valores de profundidade de água entre os 0 e 5cm, as aves de menor porte como o Pilrito-comum v (Calidris alpina) e o Borrelho-grande-de-coleria (Charadrius hiaticula), apareceram no tanque. Estas aves estiveram presentes, até que o tanque começou a secar, 2 semanas após o início do estudo, altura em que abandonaram o local, também por redução da quantidade de alimento (verificou-se ao longo da experiência em geral, uma diminuição progressiva nos valores da biomassa de invertebrados). O comportamento alimentar das aves estudadas (Pilrito-comum e o Borrelhogrande- de-coleria), está intimamente relacionado com a quantidade de alimento disponível e com a sua acessibilidade ao tanque, verificando-se um aumento do esforço de procura de alimento quando este é reduzido, sobretudo após 8 dias de drenagem do tanque. O sucesso alimentar, é maior, para condições de profundidade de água adequadas a estas espécies, e para maior quantidade de alimento disponivel no tanque, existindo assim uma diminuição do sucesso ao longo do tempo de estudo. A conservação de espécies de aves limícolas pode passar pela aplicação de medidas gestão dos níveis de água para tanques em salinas, que permitam adequar locais de diferentes profundidades às diferentes espécies de aves limícolas, consoante a sua morfologia e necessidades alimentarespor
dc.description.abstractThe migratory waders do require stops to re-establish themselves in terms of energy during migration. Estuaries and intertidal habitats are the main stopovers for these birds along their migration route. However, these habitats have been altered and reduced by several factors, in particular due to anthropogenic actions. This has implications for the conservation of waders because the reduction in these areas limits the habitat area for foraging and shelter, which often results in conflict between individuals for food resources. To bridge this problem, salinas have been studied as alternative habitats for waders. Nowadays, the salinas have been abandoned, but several studies show that they can provide refuge for birds during high tide, and are also important as feeding areas. This project studied the management of water levels in a tank of the salinas of Samouco, Tagus estuary, Portugal, in other to understand the feeding behavior of certain species of shorebirds that are common in these salinas, and the impact on the consumption of invertebrates by waders. The tank was maintained at high water levels for some months before the start of the experiment, and therefore it was inaccessible for shorebirds. After its drainage, larger species such Black-winged Stilt (Himantopus himantopus), Black-tailed Godwit (Limosa limosa) and Redshank (Tringa totanus), appeared at the site when the water levels were close to 15 cm, remaining a few days there, until the levels were nearly zero. When the water levels reached 5 cm, smaller birds like Dunlin (Calidris alpina) and the Ringed Plover (Charadrius hiaticula), began using the tank. These species were present, until the tank began to dry, i.e. 2 weeks after the start of the study. Throughout the experimente there was a gradual decrease in biomass values of invertebrates. vii The feeding behavior of the birds studied (Ringed Plover and Dunlin), was closely related with the amount of food available and their accessibility, it was observed an increased effort by the birds to find food when it was reduced, especially after 8 days of tank drainage. The feeding success was higher during the first 8 days, and decreased markedly after that until the birds abandoned the tank after 2 weeks. The conservation of shorebirds species, in salinas implies the management of water levels, to ensure that tanks with different water levels are available for different species of shorebirds, depending on their morphology and dietary needs.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.titleGestão dos níveis de água em salinas e a conservação de aves limícolaspor
dc.typemasterThesispor
degois.publication.locationCoimbrapor
dc.peerreviewedYespor
dc.identifier.tid201668971-
uc.controloAutoridadeSim-
item.languageiso639-1pt-
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
crisitem.advisor.deptFaculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade de Coimbra-
crisitem.advisor.parentdeptUniversidade de Coimbra-
crisitem.advisor.researchunitMARE - Marine and Environmental Sciences Centre-
crisitem.advisor.orcid0000-0002-9533-987X-
Appears in Collections:FCTUC Ciências da Vida - Teses de Mestrado
Show simple item record

Page view(s) 50

379
checked on Oct 20, 2020

Download(s)

49
checked on Oct 20, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.