Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/1803
Title: Estudo de Transições Estruturais de Fase nos Sistemas Nb-H e Ta-H por métodos de P.A.C.
Authors: Gil, João Manuel de Sá Campos 
Keywords: Física Aplicada
Issue Date: 1987
Abstract: A técnica de correlações angulares pertubadas foi aplicada ao estudo dos diagramas de fase dos sistemas Nb-H e Ta-H, usando como sonda o 181 Hf. No sistema Nb-H foram caracterizadas, pelas interacções observadas, as estruturas ordenadas das fases b, y, e E. Com este estudo foi reafirmada a uniformidade da região do diagrama de fases associada às fases a+ E. Foi ainda reforçada a hipótese de localização da fase Y em regiões de concentração entre cH =0,75 e 0,81. Na região de concentrações entre cH=0,75 e 0,90 foram observadas a baixa temperatura várias outras interacções correspondentes a fases ordenadas, de estruturas desconhecidas. À concentração de cH = 1 foi observada a modificação da estrutura ordenada da fase b para uma estrutura ordenada apenas parcialmente, caracterizada por uma distribuição de frequências em torno dum valor médio, presente em toda a extensa região definida pela fase B acima de aproximadamente 200K. As varições observadas nesta distribuição de frequências são interpretadas, por um lado, pela variação com a concentração do número de átomos de hidrogénio na vizinhança dos átomos sonda, por outro lado, pela variação com a temperatura do número de defeitos do tipo par de Frenkel na estrutura ordenada e pelo aumento com a temperatura da difusibilidade de hidrogénio na rede do metal. Não foram neste trabalho encontradas diferenças entre as fases parcialmente ordenadas ç e B, distinguidas em outros estudos deste sistema. A interacção característica das fases a e á foi interpretada como proveniente da rápida difusão dos átomos de hidrogénio ás temperaturas a que se observam estas fases. No sistema Ta-H foi caracterizada a fase ordenada b por uma interacção única. A fase E foi caracterizada por uma distribuição de frequências, típica de uma ordenação parcial. A interacção que caracteriza a fase a é interpretada como sendo devida à rápida difusão do hidrogénio. As temperaturas de transição entre fases foram determinadas, tendo-se encontrado um bom acordo com as temperaturas definidas em outros estudos deste sistema. O modelo de carga pontual usado no cálculo de gradientes de campo eléctrico em redes cristalinas foi melhorado pela inclusão de cargas negativas de simulação do primeiro momento das redistribuições de carga electrónica provocadas na rede do metal pela presença de atómos de hidrogénio. Foram feitos cálculos com este modelo para as estruturas conhecidas dos sistemas NB-H e Ta-H que foram caracterizadas neste estudo, sendo os restantes obtidos comparáveis em alguma extensão com os valores experimentais das interacções, em contraste com a dificuldade encontrada com o modelo de carga pontual simples.
URI: http://hdl.handle.net/10316/1803
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FCTUC Física - Teses de Doutoramento

Show full item record

Page view(s)

179
checked on Oct 20, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.