Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/17788
Title: Fluorescência de raios-X no controlo da qualidade de amostras sólidas
Authors: Ascenso, Raquel Costa 
Orientador: Pereira, Jorge Luís Gabriel F. S. Costa
Corker, Jorge Neiva Coutinho Marshall
Issue Date: Sep-2011
Citation: Ascenso, Raquel Costa - Fluorescência de raios-X no controlo da qualidade de amostras sólidas. Coimbra, 2011
Abstract: O trabalho desenvolvido baseia-se na aplicação da técnica de Fluorescência de Raios-X (FRX) no controlo da qualidade em amostras de argilas e ferros fundidos. Numa fase inicial do trabalho foram inspeccionadas algumas amostras no sentido de se adquirir algum conhecimento relativo à sua composição, assim como o impacto das condições instrumentais sobre os respectivos espectros. Grande parte do trabalho desenvolvido incidiu sobre o estudo de argilas e a preparação de padrões mistos que permitissem abranger uma gama analítica adequada, para a quantificação simultânea de quatro dos seus componentes maioritários, o alumínio, o silício, o titânio, e o ferro. No tratamento e interpretação dos resultados obtidos, foram utilizadas algumas ferramentas estatísticas nomeadamente, a análise de variância para o estudo do efeito de factores e a calibração multivariada para minimizar o efeito de interferência espectral na quantificação de elementos com características muito similares. A análise do efeito de factores (blindagem, variabilidade e temperatura) que poderiam influenciar a quantificação de elementos nas amostras de argilas, foi efectuada recorrendo à ferramenta ANOVA. Com base na decomposição espectral em funções de sinal adequadas, desenvolveram-se estudos de simulação que permitiram complementar algumas conclusões sobre a quantificação de elementos em condições drásticas: diferentes níveis de ruído no sinal e diferentes níveis de proximidade de sinais. Posteriormente, foram optimizadas as condições analíticas relativas à análise espectroscópica das amostras com diferentes concentrações destes elementos. O presente estudo mostra que esta técnica é extremamente útil na identificação de elementos e que tanto as condições de análise como o tipo de amostra utilizada são determinantes para a fiabilidade dos respectivos resultados analíticos. Os resultados mostram, que encontradas as condições óptimas para análise espectroscópica é possível, através da calibração multivariada, quantificar com rigor os elementos nas amostras de argila.
URI: http://hdl.handle.net/10316/17788
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Química - Teses de Mestrado
UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
RaquelCostas_Tese.pdf5.62 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

556
checked on Aug 18, 2022

Download(s) 50

478
checked on Aug 18, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.