Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/15976
Title: A percepção da qualidade de vida, estratégias de coping e stress em famílias com crianças e adolescentes sobredotados: um estudo exploratório
Authors: Cardoso, Eneida Almeida 
Orientador: Lourenço, Madalena
Keywords: Coping familiar; Percepção; Sobredotação; Famílias; Stress familiar; Qualidade de vida familiar
Issue Date: 2008
Serial title, monograph or event: A percepção da qualidade de vida, estratégias de stress em famílias com crianças e adolescentes sobredotados: um estudo exploratório
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: o presente projecto de investigação tem como objectivos o estudo da qualidade de vida, estratégias de coping e o stress em famílias com crianças e jovens sobredotados, estabelecendo uma comparação entre estas famílias e algumas famílias da população geral, de modo a averiguar a existência ou não de diferenças estatisticamente significativas. Os instrumentos utilizados neste estudo e que nos permitiram estudar as variáveis desejadas foram o FILE, o F-COPES e o QDV, auxiliados por um Questionário demográfico e uma Ficha de dados complementares. Neste sentido, procedeu-se à comparação destas duas sub-amostras, equivalentes em género, idade e etapa do ciclo vital da família. Os resultados encontrados não revelaram qualquer diferença estatisticamente significativa na forma como ambas as amostras percepcionam o stress, o coping e a qualidade de vida familiares. Num segundo momento foi testada a influência de algumas possíveis variáveis mediadoras na percepção das mesmas variáveis dependentes (coping, stress e qualidade de vida familiares). Como implicações do nosso estudo, temos o “abrir caminho” para que mais estudos sejam realizados nesta área e também a contribuição para que novas reflexões se façam e mais conhecimento se alcance no que diz respeito ao tema aqui estudado.
the current investigation project has as purposes the study of the quality of life, coping strategies and stress in families with gifted children or youngsters, establishing a comparison between these families and some families of the general population, so as to check the existence or not of statistically significant differences. The instruments used in this study and that allowed us to study the wants variables were QDV, FILE and F-COPES, assisted by a demographic questionnaire and a complementary data file. In this sense, these two sub-samples were compared similar in genre, age and the family’s vital cycle stage. The results found did not reveal any statistically significant difference in how both the samples perceived familiar stress, coping and the quality of life. In a second moment, the influence of some possible mediator variables in the perception of the same dependent variables was equally tested. Our study has as implications “opening new doors” to more investigation as well as the contribution to the making of new reflexions and the attainability of more knowledge.
Description: Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica, sub-área de especialização em Sistémica, Sáude e Família apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/15976
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Show full item record

Page view(s)

69
checked on Sep 22, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.