Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/15418
Title: Estilos educativos parentais e confiança interpessoal em crianças: estudo da sua relação e contributo para a adequação da escala CCCTB para a população portuguesa
Authors: Marques, Sandrina Antunes 
Orientador: Brêda, Maria São João de Castilho
Keywords: Estilos educativos parentais; Confiança
Issue Date: 2010
Abstract: O presente estudo exploratório teve como objectivo estudar a possível relação entre os estilos educativos parentais percepcionados pelas crianças e o estabelecimento de crenças generalizadas sobre confiança interpessoal, bem como contribuir para a adequação de uma escala relativa a este domínio para a população portuguesa. Para tal, recolhemos dados junto de crianças entre os 10 e os 12 anos de idade, utilizando os seguintes instrumentos: a escala Egna Minnen Bertraffande Uppfostran - Children version -EMBU-C (Castro et al., 1990, 1993; versão portuguesa, Canavarro & Pereira, 2007) que permite avaliar a percepção das crianças relativamente aos estilos educativos parentais, para o pai e a mãe separadamente, em três dimensões importantes: suporte emocional, tentativa de controlo e rejeição; e a escala Cross-cultural Children’s Trust Beliefs – CCCTB (Rotenberg, Sakai, Betts & Maeshiro, 2008; versão portuguesa experimental, Breda, Vale Dias & Ferreira in Ferreira, 2009) que avalia as crenças generalizadas de confiança interpessoal das crianças relativamente à mãe, pai, professor e amigo, tendo em conta três bases: fidelidade, emoção e honestidade. No presente estudo de adequação da versão portuguesa da CCCTB, as dimensões que apresentaram melhores características psicométricas foram a sub-escala emocional-pai, a emocional total e a escala total. Utilizando os dados destas dimensões e os obtidos no EMBU-C, as análises efectuadas não permitiram apoiar a existência de uma relação entre os estilos educativos parentais e as crenças sobre confiança interpessoal.
This exploratory study had as purpose to analyse the possible association between the children’s perception of the parent’s rearing style and the establishment of interpersonal trust beliefs, as well as to contribute for the improvement of one scale in this domain for the Portuguese population. For that purpose we collected data from 10-12 years old children using the Egna Minnen Bertraffande Uppfostran - Children version -EMBUC (Castro et al., 1990, 1993; versão portuguesa, Canavarro & Pereira, 2007) to evaluate the children’s perception on the parent’s rearing style, for the father and the mother separately, in three important dimensions: emotional support, attempt of control and rejection; and the Cross-cultural Children’s Trust Beliefs – CCCTB (Rotenberg, Sakai, Betts & Maeshiro, 2008; experimental Portuguese version, Breda, Vale Dias & Ferreira in Ferreira, 2009) that evaluate the children’s interpersonal trust beliefs for the mother, father, teacher and friend, in three bases: fidelity, emotional and honesty. The study of improvement of the Portuguese CCCTB revealed that the dimensions that present best psychometric characteristics were the emotional-father subscale, the emotional total and the total scale. Analysing the data from these dimensions and from EMBU-C, the results don’t support the relation between the parent’s rearing style and the interpersonal trust beliefs.
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento, apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra sob a orientação da Prof. Doutora Maria São João Brêda.
URI: http://hdl.handle.net/10316/15418
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Show full item record

Page view(s) 50

345
checked on Sep 29, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.