Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/11573
Title: O príncipe e o pobre: o estudo das Relações Internacionais entre a tradição e a reinvenção
Authors: Pureza, José Manuel 
Issue Date: Feb-1999
Publisher: Centro de Estudos Sociais
Citation: Revista Crítica de Ciências Sociais. 52/53 (1999) 363-376
Abstract: Por que razão não há uma teoria internacional em Portugal? Este artigo procura responder a esta pergunta, partindo da hipótese de que essa ausência é um legado da matriz cultural realista que tem dominado epistemológica, ontológica e metodologicamente a disciplina das Relações Internacionais. Analisadas as principais vertentes desta matriz e rastreado o modo como a escassa produção teórica portuguesa se tem revisto nelas, inventariam-se de seguida as tarefas intelectuais necessárias a uma abertura das Relações Internacionais, em especial os conteúdos de uma nova agenda de investigação
URI: http://hdl.handle.net/10316/11573
ISSN: 0254-1106
Rights: openAccess
Appears in Collections:FEUC- Artigos em Revistas Nacionais
I&D CES - Artigos em Revistas Nacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
O príncipe e o pobre o estudo das Relações Internacionais.pdf3.91 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

303
checked on Aug 3, 2022

Download(s) 20

983
checked on Aug 3, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.