Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/100142
Title: Impactos da Oscilação do Atlântico Norte nos Regimes Fluviais dos rios Vouga e Mondego: Sua Relevância na Manifestação de Situações Hidrológicas Extremas (Cheias e Inundações)
Authors: Oliveira, Washington dos Santos 
Orientador: Cunha, Lúcio José Sobral da
Keywords: Oscilação do Atlântico Norte (NAO); Precipitação Atmosférica; Regimes Fluviais; Cheias e Inundações; Vouga; Mondego; North Atlantic Oscillation (NAO); Atmospheric Precipitation; Rivers Streamflow; Food and Flooding; Vouga; Mondego
Issue Date: 2013
Abstract: A Oscilação do Atlântico Norte (NAO – do inglês North Atlantic Oscillation) constitui o principal modo de variabilidade atmosférica do Atlântico Norte, mantendo uma estrutura dipolar visível ao longo de todo o ano. Embora não se saiba ao certo os processos atmosféricos (e não só) que governam esta Oscilação, existe cada vez mais conhecimento dos seus efeitos mesmo não se conseguindo ainda prevê-la de forma eficaz. Como auxílio a esta dificuldade, o estudo das tendências tem vindo a contribuir à consolidação de informação acerca da variabilidade apresentada pela NAO ao longo do tempo. O Estado Instantâneo do Tempo na Península Ibérica e em Portugal está relacionado duma forma muito intrincada com a fase da NAO (positiva ou negativa) e dessa forma todos os elementos meteorológicos que o constituem também. No entanto, a precipitação é de longe, dos elementos meteorológicos, o mais dependente da fase do dípolo atmosférico. Com efeito, sendo a precipitação em forma de chuva a principal fonte de alimentação do escoamento fluvial dos rios no Clima Mediterrâneo, impactos da NAO são esperados. Tal facto é ainda mais relevante se tivermos em conta que a NAO explica grande parte da variabilidade atmosférica durante o quadrimestre Dezembro- Março, grosso modo, o Inverno boreal, altura em que ocorrem as precipitações mais significativas na Península Ibérica e em que se despoletam também a maior parte da manifestação de fenómenos hidrológicos extremos ligados a cheias que causam inundações. De formas distintas mas muito concordante, as bacias hidrográficas do Vouga e do Mondego não constituem exceção aos constrangimentos enxertados pela NAO, respondendo de forma muito significativa aos ritmos pluviométricos impostos esta.
The North Atlantic Oscillation (NAO) is the main atmospheric circulation pattern in the North Atlantic sector. Its dipole structure remains visible throughout the whole year. Although the atmospheric mechanisms that govern the NAO aren’t certainly known, the knowledge of its effects is widespread, even though forecasting it stills a great challenge. Giving important information to this challenge, at the present time, trends are contributing with vital data for a perception of NAO variability during the time. The weather in the Iberian Peninsula and Portugal is strictly related with the NAO phase (positive or negative) and therefore all its elements. However, precipitation, out of all weather elements, is by far the most reliant on the phase of this atmospheric dipole. Hence, precipitation, as rain, is the major source to river streamflow in Mediterranean Climate. For that reason NAO impacts are likely to happen. That fact gets even more pertinent if we consider that the NAO explains more atmospheric variability during boreal winter (December to March) which is the period with the most significant rainfall across Iberian Peninsula and when extreme hydrological phenomena, namely flood and flooding processes, are more frequent. Distinctively but with great agreement in their behavior, Vouga and Modego hydrographic basins are no exception in their linkage to the NAO with a significant response to rainfall patters imposed by this Oscillation.
Description: Dissertação de mestrado em Dinâmicas Sociais, Riscos Naturais e Tecnológicos apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/100142
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Ciências da Terra - Teses de Mestrado

Show full item record

Page view(s)

62
checked on Aug 12, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.