Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/97328
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCunha, Lúcio José Sobral da-
dc.contributor.authorLopes, José Miguel Almeida-
dc.date.accessioned2022-01-21T12:42:54Z-
dc.date.available2022-01-21T12:42:54Z-
dc.date.issued2014-07-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/97328-
dc.descriptionDissertação de Mestrado em Dinâmicas Sociais, Riscos Naturais e Tecnológicos apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.pt
dc.description.abstractAo longo das últimas décadas, as zonas urbanas antigas foram sujeitas a grandes alterações, em virtude das novas tendências das sociedades contemporâneas. Estes novos costumes colocaram as zonas urbanas antigas perante importantes desafios que pretendem minimizar os processos de envelhecimento demográfico, degradação do edificado, enfraquecimento económico e de isolamento social. É perante este afastamento e este esquecimento involuntário, quer por parte da população de uma cidade quer das entidades responsáveis pela gestão sustentável da mesma, que reside uma questão fulcral que jamais poderá ser esquecida e que está relacionada com a segurança da população e dos seus bens. A morfologia dos elementos que compõem as zonas antigas confere à área diversos condicionalismos que poderão contribuir para causar algum dano na população, nos seus bens e no património existente, nomeadamente através da deflagração de incêndios urbanos. O conhecimento prévio dos fatores limitantes existentes nas zonas antigas permitirá identificar as áreas críticas, o que facilitará a implementação de estratégias de prevenção e segurança face a acidentes graves e/ou catástrofes e todas as consequências mais ou menos gravosas que daí poderão advir. Os problemas existentes na zona antiga da Figueira da Foz são, na sua maioria, semelhantes aos problemas identificados em outras cidades do país, no entanto até ao momento não existe qualquer estudo que possibilite a identificação da parte da população que está mais vulnerável e mais suscetível à ocorrência de um incêndio urbano. Deste modo, a presente investigação tem como objetivo efetuar uma avaliação das zonas mais suscetíveis, mais vulneráveis e de maior risco, sendo a sua análise baseada em critérios levantados na área de estudo. Posteriormente e com base na avaliação efetuada, serão apresentadas medidas e estratégias que permitam minimizar o impacto de um evento de incêndio na área de estudo.pt
dc.description.abstractOver the last decades, old urban areas were subjected to major changes, due to the new tendencies in contemporary societies. These tendencies placed before old urban areas major challenges which mean is to minimize the processes of demographic aging, degradation of the building, economic weakening and social isolation. It is before this alienation and this involuntary forgetfulness, or by the population of a city or by entities which are responsible for the sustainable management of the same, which lies a key issue that can never be forgotten, and that is related to the security of the population and their belongings. The morphology of the elements that compose the old zones gives the area various constraints that may contribute to cause some damage in the population, with their assets and the existing heritage. This prior knowledge of existing limiting factors in old areas will allow to identify critical places for the different urban areas, that will facilitate the implementation of prevention strategies and safety concerning serious accidents and/or disasters and all the consequences that may arise from it. The existing problems in the ancient zone of Figueira da Foz are mostly transversal to the problems identified in other zones, however until the date there is no study that enables the identification of the population that is more vulnerable and more susceptible to the occurrence of an urban fire. Therefore, this paper aims to make an assessment of the most susceptible, vulnerable and high risk areas, being its analysis based on criterion raised in the study area. Subsequently, and based on the assessment carried out, measures and strategies will be presented to minimize the impact of an event in the study areapt
dc.language.isoporpt
dc.rightsembargoedAccesspt
dc.subjectZona Urbana Antigapt
dc.subjectIncêndio Urbanopt
dc.subjectSuscetibilidadept
dc.subjectVulnerabilidadept
dc.subjectRiscopt
dc.subjectConcelho da Figueira da Fozpt
dc.subjectAncient Urban Zonept
dc.subjectUrban Firept
dc.subjectSusceptibilitypt
dc.subjectVulnerabilitypt
dc.subjectRiskpt
dc.subjectCounty of Figueira da Fozpt
dc.titleA Problemática dos Incêndios Urbanos na Zona Antiga da Figueira da Foz Avaliação da Suscetibilidade, da Vulnerabilidade e do Riscopt
dc.typemasterThesispt
degois.publication.locationCoimbrapt
dc.date.embargo2020-06-29*
thesis.degree.grantor00500::Universidade de Coimbrapt
thesis.degree.nameMestrado em Dinâmicas Sociais, Riscos Naturais e Tecnológicospt
uc.rechabilitacaoestrangeiranopt
uc.date.periodoEmbargo2190pt
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
item.languageiso639-1pt-
crisitem.advisor.deptFaculty of Arts and Humanities-
crisitem.advisor.researchunitCEGOT – Centre of Studies on Geography and Spatial Planning-
crisitem.advisor.orcid0000-0003-0086-7862-
Appears in Collections:FCTUC Ciências da Terra - Teses de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese_José Lopes.pdf11.58 MBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s)

51
checked on Sep 16, 2022

Download(s)

11
checked on Sep 16, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.