Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/97113
Title: Análise de Riscos Naturais na Área Urbana de Coimbra - Avaliação da suscetibilidade e vulnerabilidade em Santa Clara
Authors: Jorge, Ana Daniela Alves
Orientador: Cunha, Lúcio José Sobral da
Nascimento, Rui Campino do
Keywords: Riscos Naturais; Avaliação do Risco; Vulnerabilidade; Plano de Urbanização; Prevenção e Mitigação dos Riscos; Área Urbana de Coimbra; Natural Risks; Risk Assessment; Vulnerability; Urban Plan; Prevention and Risk Mitigation; Coimbra Urban Area
Issue Date: Jul-2015
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O espaço urbano é condicionado pelas caraterísticas físicas do território e pelos riscos naturais enquanto fatores condicionantes dos usos e ocupações do território. As caraterísticas físicas do território, como a topografia e hidrografia, entre outras, condicionam nas áreas vulneráveis os usos e ocupações do solo, influenciando as estratégias relativas ao desenvolvimento do tecido urbano. As áreas urbanas são territórios onde a complexidade e a multiplicidade dos riscos é bastante notória e onde os seus impactos têm consequências de difícil gestão e resolução. O risco ocorre devido às mais variadas situações, como o aumento da pobreza, da desigualdade e das falhas na governação, da alta densidade populacional, das condições de vida e da proximidade de áreas residenciais a perímetros ocupados por áreas com elevada exposição a riscos naturais. As cidades correspondem sempre a espaços de profundas alterações dos sistemas naturais, como por exemplo, modificações da morfologia do terreno e a sua impermeabilização ou ocupação de áreas menos favoráveis à edificação. Por exemplo, vertentes de forte declive ou as áreas de planície de inundação. (Pedrosa (org), 2007). No espaço urbano, a distribuição espacial do risco está a mudar de forma notável, assim como a probabilidade de ocorrência de desastres, sendo esta caracterizada por disparidades espaciais. A área urbana de Coimbra, caracteriza-se pela existência de contrastes morfológicos a nível litológico e complexidade estrutural, variações climáticas e eventos meteorológicos extremos, fluxos e dinâmicas demográficas e socioeconómicas, heterogeneidade da concentração e tipologia de infraestruturas e equipamentos, variadas qualificações ambientais e patrimoniais. Uma análise dos processos naturais suscetíveis de produzirem perdas e danos humanos, económicos e ambientais é fulcral para a análise da área em questão. Assim, a realização de uma efetiva gestão de riscos através do planeamento implica uma contínua monitorização das manifestações e variação das dinâmicas ambientais, sociais e económicas e das suas inter-relações no seio da área urbana, bem como compreender as consequências das rápidas alterações de usos e funções dos diferentes espaços que compõem a cidade. A prevenção e preparação para a ocorrência de desastres implicam três componentes cruciais: análise precisa dos riscos e populações vulneráveis, formulação de planos de preparação e de resposta a desastres, e a comunicação das estratégias de prevenção e preparação para o público e decisores.
The urban space is conditioned by the physical characteristics of the field – terrain - and by the natural risks as conditioning factors of the uses and occupations of the territory. The physical characteristics of the field – terrain - such as topography and hydrography, among others, affect, in vulnerable areas, the uses and the soil occupation by influencing the strategies related to the development of the urban tissue. In the urban areas it is possible to see that the complexity and the multiplicity of the risks is quite present and its impact has consequences that are difficult to deal with. The risk occurs due to several aspects, such as the increasing poverty, inequity and governmental errors, high population density, living conditions and also due to the proximity of the residential area to perimeters occupied by areas with high exposure to natural risks. Cities are areas of deep changes of the natural systems such as the changes of the field morphology and its waterproofing or the occupation of areas that are not the most appropriate to building. For example, steep slopes or floodplains (Pedrosa (org), 2007). In the urban space, the risk of spatial distribution is considerably changing just as the probability of the disasters which is characterised by the spatial inequality. The urban area of Coimbra is characterised by the existence of morphological contrasts in terms of lithology and structural complexity, climate changes and extreme weather, demographic and socio-economic dynamics and also by the heterogeneity of the concentration and type of infrastructure and equipment as well as the different environmental and patrimonial qualifications. An analysis to the natural processes that may lead to human, economical and environmental damage and losses is essential to address this issue. Thus, an effective risk management through planning implies a continuous monitoring of the results and variation on the environmental, social and economic dynamics and its interrelations in the urban area, as well as an understanding of the consequences of the quick changes in the uses and functions from the different spaces in the city. Prevention and planning for disasters occurrence implies three essential aspects: a precise analysis of the risks and vulnerable populations, the existence of preparation and disaster plans and a pronouncement of the strategies of prevention and preparation to the public and decision-makers.
Description: Dissertação de Mestrado em Dinâmicas Sociais, Riscos Naturais e Tecnológicos, apresentada à Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/97113
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Geografia - Teses de Mestrado
UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
211 Dissertação- Ana Daniela Alves Jorge.pdf2.79 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

68
checked on Aug 5, 2022

Download(s)

35
checked on Aug 5, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.