Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94445
Title: (in)Satisfação com a Identidade em Pessoas LGB e Variáveis Familiares: A Importância da Abertura à Família
Other Titles: Identity (dis)Satisfaction in LGB People and Family Variables: The Importance of Outness to Family
Authors: Bastos, Raquel Alexandra Caldeira
Orientador: Relvas, Ana Paula Pais Rodrigues Fonseca
Gato, Jorge Júlio de Carvalho Valadas
Keywords: Comunicação Familiar; Diferenciação do Self; Abertura quanto à orientação sexual; Insatisfação Identitária; Family Communication; Differentiation of the self; Outness; Identity Dissatisfaction
Issue Date: 21-Jul-2020
Serial title, monograph or event: (in)Satisfação com a Identidade em Pessoas LGB e Variáveis Familiares: A Importância da Abertura à Família
Place of publication or event: Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
Abstract: Como forma de concluir o 2º ciclo de estudos, foi-me sugerido que redigisse a dissertação de mestrado em forma de artigo científico, proposta que abracei. Como tal, esta dissertação pretende contextualizar o caminho percorrido ao longo do último ano, que culminou com a redação de um artigo para submeter a publicação na revista Family Process. Esta investigação foca a identidade sexual LGB. Nas últimas décadas, tem-se verificado uma maior aceitação de orientações sexuais que não a heterossexual. No entanto, as atitudes heterossexistas da sociedade ainda dificultam o processo de aceitação da identidade de pessoas lésbicas, gays e bissexuais (LGB). Ainda que, em primeira instância, muitas famílias rejeitem a identidade LGB dos filhos, elas têm um papel importante na aceitação e desenvolvimento da identidade sexual de uma pessoa LGB. Nesta investigação, explorámos a relação entre variáveis familiares, nomeadamente a comunicação familiar e a diferenciação do self, e a (in)satisfação identitária em indivíduos LGB (N=188). Testámos, também, o efeito moderador da abertura à família quanto à orientação sexual, na relação entre a comunicação familiar e a diferenciação do self e a (in)satisfação identitária. Níveis mais elevados de diferenciação do self predisseram níveis mais baixos de insatisfação identitária e a abertura quanto à orientação sexual para com os pais moderou a relação entre a comunicação familiar e a diferenciação do self e a insatisfação identitária. Os nossos resultados revelam a importância de estudar as variáveis familiares, em termos de padrões de relacionamento, na integração da identidade sexual LGB de um membro da família, com implicações clínicas na realização de futuras intervenções com indivíduos LGB e as suas famílias.
As a way of concluding my master’s degree, I was proposed to write my master’s thesis as a scientific paper, opportunity I gladly accepted. Thus, this dissertation intends to contextualize my work path during the last year, leading to the writing of a scientific paper to submit to publication in Family Process Journal. The investigation focuses the LGB sexual identity. In recent decades, there is a greater acceptance of non-heterosexual identities. Yet, societies’ heterosexist attitudes still make it difficult for lesbian, gay and bisexual (LGB) people to accept their identity. Although many families reject their children’s LGB identity at first, they have an important role on the acceptance and development of an LGB person’s sexual identity. In this investigation we explored the association between family variables, namely family communication and differentiation of the self, and identity (dis)satisfaction among LGB individuals (N = 188). We also tested the moderator effect of outness to family on the relationship between family communication and differentiation of the self and identity (dis)satisfaction. Higher levels of differentiation of the self predicted a lower level of identity dissatisfaction and outness to family moderated the relationship between family communication and differentiation of self and identity dissatisfaction. Our findings reveal the importance of studying family variables, in terms of patterns of relationship, on the integration of an LGB members’ identity, with clinical implications to future interventions with LGB individuals and their families.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/94445
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESEFINAL pós-defesa - raquel Bastos.pdf636.78 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

63
checked on Aug 10, 2022

Download(s)

87
checked on Aug 10, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons