Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94406
Title: Desenvolvimento de Novos Produtos - Paul Stricker, S.A.
Other Titles: New Product Development - Paul Stricker, S.A.
Authors: Santos, Cristiana Ferreira
Orientador: Coelho, Filipe Jorge Fernandes
Keywords: Desenvolvimento de Novos Produtos; Orientação para o Mercado; Orientação para o Cliente; Orientação para a Concorrência; Participação do cliente no Desenvolvimento de Novos Produtos; New Product Development; Market Orientation; Customer Orientation; Competitive Orientation; Customer Participation in New Product Development
Issue Date: 15-Jul-2020
Serial title, monograph or event: Desenvolvimento de Novos Produtos - Paul Stricker, S.A.
Place of publication or event: Paul Stricker
Abstract: The purpose of this internship report is to describe and evaluate the tasks that I completed at Paul Stricker, S.A, during 3rd February 2020 to 5th June 2020. This company dedicates its activity to the creation, development, and distribution of promotional products to companies operating in the same sector of activity. In other words, Stricker follows a business-to-business (B2B) business model. This report also addresses the subject of New Product Development (NPD), as this is one of Stricker’s activities. Changes in customer needs, strong competition, and shorter product cycles are factors that lead to the development of new products. Thus, a company that only considers selling its current products can put the survival of the business at risk. It should not only improve current products but also develop new products. The good performance in the development of new products depends on the market orientation of the company. On the one hand, customer orientation allows the company to understand the customer’s needs, in order to create products adapted to these needs. On the other hand, competitive orientation will allow the customer to offer products that add more value to the customer than other competing products. In order to develop new products there is a requirement of an organized process. Many companies integrate customer involvement in this process, but this decision does not always bring advantages to the company because it needs to have the ability to manage, transfer and integrate customer knowledge into the NPD process. The New Product Development process at Stricker may occur internally or externally. On the one hand, when the development is carried out internally, the company designs the products and asks a supplier to make that product. On the other hand, when development is carried out externally, the company buys products that already exist in the market from suppliers and adapts them considering their preferences for the image of the final product. This adaptation is carried out by the suppliers from whom Stricker buys these products. Finally, customer involvement in the NPD process could contribute to the sharing of tacit knowledge and other relevant information to add higher value to the products.
O presente relatório de estágio tem como objetivo descrever e avaliar as atividades desenvolvidas no estágio curricular realizado na Paul Stricker, S.A., durante o período de 3 de fevereiro de 2020 a 5 de junho de 2020. Esta empresa dedica a sua atividade à criação, desenvolvimento e distribuição de produtos promocionais a empresas que operam no mesmo setor de atividade, ou seja, a Stricker segue um modelo de negócios business-to-business (B2B). Este relatório também aborda o assunto do Desenvolvimento de Novos Produtos, visto que esta é uma das atividades desenvolvidas na Stricker. As mudanças nas necessidades dos clientes, a forte concorrência e os ciclos de produtos mais curtos são fatores que levam ao desenvolvimento de novos produtos. Assim, uma empresa que considere apenas vender os seus produtos atuais, pode colocar em risco a sobrevivência do negócio. Ela deverá não só melhorar os produtos atuais como também desenvolver novos produtos. O bom desempenho no desenvolvimento de novos produtos depende da orientação de mercado da empresa. A orientação para o cliente permite entender as suas necessidades, no sentido de criar produtos ajustados a essas necessidades. Ter uma orientação para a concorrência permitirá oferecer ao cliente produtos que lhe agregam valor superior, face aos outros produtos concorrentes. Para desenvolver novos produtos é preciso um processo organizado. Muitas empresas integram neste processo o envolvimento de clientes, mas nem sempre essa decisão traz vantagens para a empresa porque precisa de ter a capacidade de gerir, transferir e integrar o conhecimento do cliente no processo de DNP. O processo de Desenvolvimento de Novos Produtos na Stricker pode ocorrer por via interna ou externa. Por um lado, quando o desenvolvimento é realizado internamente, a empresa desenha os produtos e solicita a um fornecedor para fazer aquele produto. Por outro lado, quando o desenvolvimento é realizado externamente, a empresa compra produtos que já existem no mercado a fornecedores e adapta-os tendo em conta as suas preferências para imagem do produto final. Esta adaptação é realizada pelos fornecedores a quem a Stricker compra esses produtos. Finalmente, o envolvimento de clientes no processo de DNP poderia contribuir com a partilha de conhecimentos tácitos e outras informações relevantes, no sentido de adicionar valor superior aos produtos.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Gestão apresentado à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/94406
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Relatório_2018265698.pdf1.46 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

140
checked on Aug 10, 2022

Download(s)

694
checked on Aug 10, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons