Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/93735
Title: A Evidência Histórica na Construção do Ensino e da Aprendizagem na Aula de História
Other Titles: The Historial Evidence in the construction of theaching and learning in the history class
Authors: Lobo, Diana Filipa Dias Trindade
Orientador: Trindade, Sara Marisa da Graça Dias do Carmo
Keywords: Compreensão histórica; conhecimento histórico; fontes históricas; reflexão crítica; evidência histórica; Historical understanding; historical knowledge; historical sources; critical thinking; historical evidence
Issue Date: 17-Dec-2020
Serial title, monograph or event: A Evidência Histórica na Construção do Ensino e da Aprendizagem na Aula de História
Place of publication or event: Residência e Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
Abstract: O presente trabalho é resultado de uma proposta de investigação desenvolvida no âmbito da unidade curricular de Projeto Didático II do Mestrado em Ensino de História no 3º ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário. O propósito deste estudo encontra-se direcionado para responder, da forma mais completa, à seguinte questão: De que forma é que a exploração de fontes diversas pode constituir uma estratégia pedagógica fundamental para a compreensão do conceito de evidência? Procura, numa conceção problematizadora, analisar a relevância do trabalho com recurso a fontes históricas diversas para a apropriação do conceito de evidência, em contexto de sala de aula. Pretende, da mesma forma, avaliar como se processa a compreensão histórica, centrada no conceito de evidência. É a partir dos pressupostos, acima enunciados, que esta investigação, de caráter teórico, tem como objetivo propor, através da exploração de fontes diversas, estratégias que permitam aos alunos construir um conhecimento histórico complexo. A aula de História tem de passar a ser entendida como um espaço orientado para o diálogo, para a reflexão crítica, para o desenvolvimento do pensamento histórico, para a convergência de interpretações, sendo a evidência um dos pontos de partida. A evidência histórica deve ser encarada na condição de recurso privilegiado a ser empregue nas aulas de Histórica devendo esta, do mesmo modo, superar a sua condição de meros ilustradores de conteúdos, superar caráter de prova, bem como, deixar de ser a âncora usada para sustentar o discurso do professor. Estes testemunhos mudos podem ser, se a atitude adotada perante a fonte for orientada, for sistemática e metodologicamente adequada para tal, bastante eloquentes. A abordagem pedagógica seria implementada numa amostra de alunos de diferentes níveis de ensino - 8º ano e 11º ano. Os alunos implicados seriam envolvidos em tarefas específicas, relativas ao trabalho com a evidência histórica. Tendo em conta a conjuntura, deparamo-nos com a necessidade de reformular o projeto inicial. Neste trabalho encontrar-se-ão fundamentadas e descritas as metodologias, estratégias e recursos que teriam sido adotados em caso de aplicação efetiva. Através de uma reflexão teórica sustentada verificamos que a mudança terá que ocorrer a montante, na formação dos professores, onde a natureza do conhecimento histórico deverá ocupar uma posição de destaque. Um dos principais problemas encontrados está diretamente relacionado com as deficientes noções de fonte histórica e a quase inexistente compreensão do conceito de evidência histórica.
The current work is the result of an investigation hypothesis developed in the context of the Master in History Teaching in the 3rd Cycle of Basic Education and Secondary Education. The goal of this study is to give a more complete answer to the following question: how can the exploration of multiple historical sources constitute a fundamental pedagogical strategy to understand the concept of evidence? It searches, in a problematizing conception, to analyze the relevance of the work using multiple historical sources for a successful appropriation of the concept of evidence in classroom context. Starting from the above mentioned theoretical premises, this investigation has, as it goal, and through the exploration of diverse historical sources, to developed strategies that allow students to develop complex historical knowledge. The historical class must be understood as a dialogue driven space, oriented toward critical reflection, to the development historical thinking, to converge of interpretations, having evidence as its point of departure. Historical evidence must be seen as a privileged resource to be employed in history lessons, while taking into account, that they´re not more content illustrators, and that they must overcome they´re evidence character and be more than a teacher´s anchor. These mute testimonies might be, if the attitude toward the source is oriented, systematic and methodologically appropriate for this, quite eloquent. The pedagogical approach should be implemented in a diverse sample of students on different educative levels – 8th grade and 11th grade. The students should be involved in specific tasks, related to the work of historical evidence. Taking into account the current situation, we were forced to change the initial project. It will be found in detail, in this work, the description of the methodologies, strategies and resources that were to be effectively adopted. Thought a sustained theoretical reflection will see that the change as to occur at amount in teacher´s formation, where the nature of historical knowledge must occupy a privileged position. One of the main problems found in this investigation is related to the multiple and disable notions of historical sources and the almost inexistent understanding of historical evidence.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Ensino de História no 3º ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário apresentado à Faculdade de Letras
URI: http://hdl.handle.net/10316/93735
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
DianaLobo_versaofinal.pdf1.55 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

3
checked on Apr 9, 2021

Download(s)

3
checked on Apr 9, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons