Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/92943
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAntunes, Ana Filipa Valente-
dc.contributor.advisorPena, Angelina Lopes Simões-
dc.contributor.advisorOliveira, Carla Susana Nunes de-
dc.contributor.authorJustino, Gisela Andreia de Jesus-
dc.date.accessioned2021-02-11T23:03:45Z-
dc.date.available2021-02-11T23:03:45Z-
dc.date.issued2020-10-15-
dc.date.submitted2021-02-11-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/92943-
dc.descriptionRelatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia-
dc.description.abstractAs micotoxinas são metabolitos secundários de baixo peso molecular produzidos por vários géneros de fungos. Essas toxinas ocorrem de forma natural, representando um elevado risco de contaminação ambiental, acarretando vários prejuízos para a saúde como, efeitos genotóxicos, carcinogénicos, teratogénicos e imunomoduladores. A contaminação por micotoxinas pode ocorrer em qualquer fase da cadeia alimentar, desde a cultura agrícola até ao prato do consumidor. As crianças e os bebés são um grupo bastante vulnerável à toxicidade das micotoxinas devido à imaturidade dos sistemas biológicos, para além de apresentarem uma maior ingestão de alimentos por peso corporal e uma dieta bastante monótona, principalmente nos primeiros meses de vida. Neste sentido, a legislação aplicada para alimentos infantis (crianças e bebés) apresenta limites regulatórios mais restritos, comparativamente aos alimentos de consumo humano geral. A Biomonitorização Humana (HBM) é uma ferramenta muito importante na avaliação da exposição humana às micotoxinas, através da análise de biomarcadores em amostras biológicas, que elucidam a relação dose/efeito na avaliação de risco à saúde. No presente documento realizou-se uma revisão dos estudos, publicados na literatura científica, de biomonitorização humana à exposição de micotoxinas e os riscos para a saúde das crianças. Realça-se o facto de os estudos serem insuficientes para a correta avaliação do risco deste grupo populacional vulnerável, o que dificulta a implementação de medidas de proteção da saúde das crianças.As micotoxinas são metabolitos secundários de baixo peso molecular produzidos por vários géneros de fungos. Essas toxinas ocorrem de forma natural, representando um elevado risco de contaminação ambiental, acarretando vários prejuízos para a saúde como, efeitos genotóxicos, carcinogénicos, teratogénicos e imunomoduladores. A contaminação por micotoxinas pode ocorrer em qualquer fase da cadeia alimentar, desde a cultura agrícola até ao prato do consumidor. As crianças e os bebés são um grupo bastante vulnerável à toxicidade das micotoxinas devido à imaturidade dos sistemas biológicos, para além de apresentarem uma maior ingestão de alimentos por peso corporal e uma dieta bastante monótona, principalmente nos primeiros meses de vida. Neste sentido, a legislação aplicada para alimentos infantis (crianças e bebés) apresenta limites regulatórios mais restritos, comparativamente aos alimentos de consumo humano geral. A Biomonitorização Humana (HBM) é uma ferramenta muito importante na avaliação da exposição humana às micotoxinas, através da análise de biomarcadores em amostras biológicas, que elucidam a relação dose/efeito na avaliação de risco à saúde. No presente documento realizou-se uma revisão dos estudos, publicados na literatura científica, de biomonitorização humana à exposição de micotoxinas e os riscos para a saúde das crianças. Realça-se o facto de os estudos serem insuficientes para a correta avaliação do risco deste grupo populacional vulnerável, o que dificulta a implementação de medidas de proteção da saúde das crianças.por
dc.description.abstractMycotoxins are low molecular weight secondary metabolites produced by several types of fungi. These toxins occur naturally, representing a high risk of environmental contamination causing several damages to health issues such as genotoxic, carcinogenic, teratogenic and immunomodulatory effects. Mycotoxin contamination can occur at any stage of the food chain, from the agricultural culture to the consumer’s dish. Children and babies are a very vulnerable group to the toxicity of mycotoxins because of the immaturity of biological systems, in addition to having a higher food intake per body weight and a very monotonous diet, especially in the first months of life. In this sense, the applied legislation regarding infant foods (children and babies) stricter regulatory limits, compared to food for general human consumption. Human Biomonitoring (HBM) is a very important tool in the evaluation of human exposure to mycotoxins, through the analysis of biomarkers in biological samples, which elucidate the dose/effect ratio in the assessment of health risk. In this document carried out a review of the studies, published in the scientific literature, human biomonitoring for exposure to mycotoxins and risks to children’s health. It should be noted that studies are insufficient to correctly risk assessment of this vulnerable population group, which hinders the implementation of protective measures for children’s health.Mycotoxins are low molecular weight secondary metabolites produced by several types of fungi. These toxins occur naturally, representing a high risk of environmental contamination causing several damages to health issues such as genotoxic, carcinogenic, teratogenic and immunomodulatory effects. Mycotoxin contamination can occur at any stage of the food chain, from the agricultural culture to the consumer’s dish. Children and babies are a very vulnerable group to the toxicity of mycotoxins because of the immaturity of biological systems, in addition to having a higher food intake per body weight and a very monotonous diet, especially in the first months of life. In this sense, the applied legislation regarding infant foods (children and babies) stricter regulatory limits, compared to food for general human consumption. Human Biomonitoring (HBM) is a very important tool in the evaluation of human exposure to mycotoxins, through the analysis of biomarkers in biological samples, which elucidate the dose/effect ratio in the assessment of health risk. In this document carried out a review of the studies, published in the scientific literature, human biomonitoring for exposure to mycotoxins and risks to children’s health. It should be noted that studies are insufficient to correctly risk assessment of this vulnerable population group, which hinders the implementation of protective measures for children’s health.eng
dc.language.isopor-
dc.rightsopenAccess-
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/-
dc.subjectmicotoxinaspor
dc.subjectbiomonitorização humanapor
dc.subjectcriançaspor
dc.subjectbebéspor
dc.subjectleite maternopor
dc.subjectmycotoxinseng
dc.subjecthuman biomonitoringeng
dc.subjectchildreneng
dc.subjectbabieseng
dc.subjectbreast milkeng
dc.titleRelatório de Estágio e Monografia intitulada “ Micotoxinas - Biomonitorização Humana nas crianças"por
dc.title.alternativeInternship and Monograph reports entitled”Mycotoxins - Human Biomonitoring in Childreneng
dc.typemasterThesis-
degois.publication.locationFaculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra, Farmácia Nova de Tomar e Centro Hospitalar do Médio Tejo-
degois.publication.titleRelatório de Estágio e Monografia intitulada “ Micotoxinas - Biomonitorização Humana nas crianças"por
dc.peerreviewedyes-
dc.identifier.tid202633748-
thesis.degree.disciplineSaude - Ciências Farmacêuticas-
thesis.degree.grantorUniversidade de Coimbra-
thesis.degree.level1-
thesis.degree.nameMestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas-
uc.degree.grantorUnitFaculdade de Farmácia-
uc.degree.grantorID0500-
uc.contributor.authorJustino, Gisela Andreia de Jesus::0000-0003-1143-806X-
uc.degree.classification17-
uc.degree.presidentejuriParanhos, António Henrique da Silva-
uc.degree.elementojuriPereira, André Monteiro Pais Teixeira-
uc.degree.elementojuriPena, Angelina Lopes Simões-
uc.contributor.advisorAntunes, Ana Filipa Valente-
uc.contributor.advisorPena, Angelina Lopes Simões-
uc.contributor.advisorOliveira, Carla Susana Nunes de-
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
item.languageiso639-1pt-
crisitem.advisor.deptFaculty of Pharmacy-
crisitem.advisor.researchunitAssociated Laboratory for Green Chemistry - Clean Technologies and Processes-
crisitem.advisor.orcid0000-0003-0902-647X-
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
Monografia-GiselaJustino.pdf2.06 MBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s)

61
checked on Sep 16, 2021

Download(s)

83
checked on Sep 16, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons