Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/92569
Title: Uma Maternidade Menos Hospitalar: Reabilitação do Instituto Maternal Bissaya Barreto
Other Titles: Deshospitalization of the Maternity: Rehabilitation of Instituto Maternal Bissaya Barreto
Authors: Feitais, António Pedro Pereira
Orientador: Santarém, João Paulo Mendes Seiça da Providência
Keywords: Instituto Maternal Bissaya Barreto; Maternidade; Reabilitação; Experiência de Parto Positiva; Coimbra; Instituto Maternal Bissaya Barreto; Maternity; Rehabilitation; Positive Childbirth Experience; Coimbra
Issue Date: 10-Jul-2020
Serial title, monograph or event: Uma Maternidade Menos Hospitalar: Reabilitação do Instituto Maternal Bissaya Barreto
Place of publication or event: Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra
Abstract: Na atualidade, Coimbra sofre duma dispersão, que dificulta uma gestão sustentável dos seus recursos, por duas maternidades, nomeadamente a maternidade do Instituto Maternal Bissaya Barreto e a Maternidade Daniel de Matos. Por esse motivo, o objetivo da cidade, assim como o da presente dissertação, é a conceptualização de uma nova maternidade que seja resultado não só da fusão das pré-existentes mas também uma reflexão sobre o futuro da mesma, ao nível espacial e programático.A norma das maternidades, enquanto estabelecimentos, é na grande maioria dos casos uma extensão de um ambiente hospitalar, com a conotação de doença, dor e urgência. Tal acontece, talvez, por consequência de uma prioridade dada, ao longo do tempo, ao objeto e à técnica. De tal modo que, por vezes, se perde o caracter humano, que outrora, estava garantido no espaço familiar da casa. Daí que se desenvolve uma vontade por devolver o protagonismo à parturiente, e por conseguinte ao bebé, com espaços que fomentem e capacitem as suas escolhas para criar uma experiência de parto adequada ás suas vontades. Assim sendo, procura-se com esta dissertação o desenvolvimento de uma proposta de intervenção no complexo do Instituto Maternal Bissaya Barreto, com intuito de promover uma expansão e uma atualização do seu programa/espaço. De modo a tornar possível, a criação, neste local, de uma maternidade menos hospitalar, com o potencial de ser capaz de responder às necessidades dos seus diferentes atores, no presente, e possíveis necessidades, no futuro.
Nowadays, Coimbra suffers from a division, which hinders sustainable management of its resources by two maternities, namely the maternity ward of the Instituto Maternal Bissaya Barreto and the Maternidade Daniel de Matos. For this reason, the objective of the city, as well as this dissertation, is the conceptualization of a new maternity that is the result not only of the fusion of the pre-existing ones but also a reflection on its future, from the spatial and the programmatic level.The norm of maternities, as establishments, is in the vast majority of cases an extension of a hospital environment, with the connotation of illness, pain and urgency. This happens, perhaps, as a result of a priority given over time to the object and the technique. In such a way that, at times, the human character that was once guaranteed in the family space of the house is lost. Hence, a desire is developed to give back the protagonism to the parturient, and therefore to the baby, with spaces that foster and enable their choices to create a childbirth experience appropriate to their wishes.Therefore, this dissertation seeks to develop an intervention in the complex of the Instituto Maternal Bissaya Barreto, in order to promote the expansion and update of its program/space. In order to make it possible, the creation, in this location, a deshospitalization of the maternity, with the potential to be able to respond to the needs of its different actors, in the present, and possible needs, in the future.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitetura apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/92569
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação António Feitais.pdf38.03 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

9
checked on Feb 25, 2021

Download(s)

3
checked on Feb 25, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons