Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/90273
Title: O ENFRENTAMENTO DA UNIÃO EUROPEIA NOS DEBATES ACERCA DA DISCRIMINAÇÃO DO GÊNERO FEMININO
Other Titles: THE EUROPEAN UNION IN TACKLING ABOUT DISCRIMINATION AGAINST WOMEN
Authors: Picanço, Fernanda Barreto
Orientador: Ramos, Rui Manuel Gens Moura
Keywords: gênero feminino; discriminação; União Europeia; mulher; Tribunal de Justiça; feminine gender; discrimination; European Union; European Union; Court of Justice.
Issue Date: 16-Sep-2019
Serial title, monograph or event: O ENFRENTAMENTO DA UNIÃO EUROPEIA NOS DEBATES ACERCA DA DISCRIMINAÇÃO DO GÊNERO FEMININO
Place of publication or event: Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra
Abstract: O Direito da União nasceu com uma matriz essencialmente econômica, voltada para princípios mercantilistas. Entretanto, com o passar dos anos, a Comunidade foi evoluindo e os direitos sociais foram cada vez mais incorporados no ordenamento jurídico da União, dentre eles, o direito antidiscriminatório. Em paralelo, os direitos das mulheres foram ganhando visibilidade, o seu papel secundário foi paulatinamente contestado, enquanto que a sua participação na vida em sociedade foi sendo clamada. A Comunidade Internacional, passou a tratar e reconhecer a discriminação entre homens e mulheres como uma problemática que deveria ser enfrentada de um modo não apenas formal, mas, de uma maneira efetiva. A União Europeia, por sua vez, não se encontrou a margem das mudanças de paradigmas no enfrentamento e tutela do direito do gênero feminino, utilizando alguns mecanismos para tratar a temática. A partir da pesquisa bibliográfica, do levantamento das fontes do Direito Internacional Público e da União Europeia, relacionadas ao direito antidiscriminatório e da análise de Acórdãos do Tribunal de Justiça, com o intuito de compará-los, o presente estudo demonstra de que forma a União Europeia encara essa nova face do direito das mulheres, com a finalidade de identificar normas, políticas e decisões que tenham como objetivo combater à discriminação do gênero feminino. Em que, serão abordados conceitos centrais, analisado normativas do Tratados principais do Direito da União Europeia, observando as suas alterações, desde o Tratado de Roma até os dias atuais com o Tratado de Lisboa, além de ser observado como as políticas da União vem enfrentando a Matéria. Por fim, será realizado um debate sobre a posição do Tribunal da Justiça da União Europeia, através de análise de alguns casos que abordam a temática das ações positivas.
The law of the Union was born with an essentially economic matrix, focused on mercantilist principles. Over the years, however, the Community has evolved and social rights have been increasingly incorporated into the legal order of the Union, including anti-discrimination law. At the same time, women's rights gained visibility, their secondary role was gradually challenged, while their participation in life in society was being criticized. The International Community has begun to treat and recognize discrimination between men and women as a problem that should be addressed not only in a formal way, but in an effective way. The European Union, on the other hand, did not find the margin of the paradigm changes in the confrontation and tutelage of the feminine right, using some mechanisms to treat the subject. On the basis of bibliographic research, the survey of the sources of public international law and the European Union, related to anti-discrimination law and the analysis of judgments of the Court of Justice, in order to compare them, the present study shows how the Union This new face of women's rights is aimed at identifying standards, policies and decisions aimed at combating discrimination against women. In what will be discussed central concepts, analyzed the main treaties of European Union Law, observing its changes, from Rome Treaty to the present day with the Lisbon Treaty, in addition to being observed how the policies of the Union is facing Matéria. Finally, a debate will be held on the position of the Court of Justice of the European Union, through an analysis of some cases about positive actions.
Description: Dissertação de Mestrado em Direito apresentada à Faculdade de Direito
URI: http://hdl.handle.net/10316/90273
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
dissertação- FERNANDA BARRETO - PDF.pdf1.15 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

7
checked on Sep 24, 2020

Download(s)

5
checked on Sep 24, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons