Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/89832
Title: Auditoria Financeira: A Evolução do Mercado em Portugal
Other Titles: Financial Audit: The Evolution of the Market in Portugal
Authors: Gonçalves, Dora Catarina Neves
Orientador: Almeida, Bruno José Machado de
Keywords: Auditoria Financeira; materialidade; planeamento; demonstrações financeiras; auditor; Financial Audit; materiality; planning; financial statements; auditor
Issue Date: 26-Jul-2019
Serial title, monograph or event: Auditoria Financeira: A Evolução do Mercado em Portugal
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Studying the theoretical contents about the evolution, the concept and the explanatory theories of the Financial Audit. I would like to highlight the current public discussion of a preliminary draft by the CMVM, including amendments to the Statutory Auditors' Statute, Law 148/2015 of 9 September and the Legal Regime of Audit Supervision contained in this last Law.Concern to the study of the explanatory theories of audit, we can conclude that the most complete explanatory theory is the theory of the agency, although the information theory, in the credibility of financial information, can have explanatory value in typical Portuguese companies (family businesses) subject to statutory audit.In a second part, with the preparation of the analysis to the Profession of ROC in Portugal, I noticed that, currently, there are 1409 Statutory Auditors, mostly aged between 35 and 45, most of the professionals are male. With regard to the analysis of the audit market in Portugal, we are able to see how this market is organized, with seventy-five percent of the SROCs concentrated in the cities of Lisbon and Porto. Using the IHH and the Gini Coefficient, we can conclude that the audit industry is currently a non-concentrated market, where there is a high income inequality among the Chartered Audit Firms.In relation to the internship, the main objective was the practical application of the knowledge acquired during the academic course, namely in the area of financial auditing. As such, initially, it was given to me the tasks, which could diversify during the internship, through my ability to learn. I was involved in the procedures to be performed during an audit of the financial statements of an entity in a real work context, analyzing in detail some areas.With a lot of dedication and commitment, this internship proved to be an enriching experience, developing personal and professional skills capable of increasing my professional autonomy.
Estudando os conteúdos teóricos sobre a evolução, o conceito e as teorias explicativas da Auditoria Financeira. Realço a atual discussão pública de um anteprojeto, por parte da CMVM, abrangendo alterações ao Estatuto do Revisores Oficiais de Contas, à Lei 148/2015, de 9 de setembro e ao Regime Jurídico da Supervisão de Auditoria, contido nesta última Lei. No que respeita ao estudo das teorias explicativas de auditoria, podemos concluir que a teoria explicativa mais completa é a teoria da agência, muito embora, a teoria da informação, na vertente de credibilização da informação financeira, pode ter valor explicativo nas típicas empresas portuguesas (empresas familiares) sujeitas a auditoria legal.Numa segunda parte, com a elaboração da análise à Profissão de ROC em Portugal pude perceber que, atualmente, existe 1409 Revisores oficiais de Contas, maioritariamente com idades compreendidas entre os 35 anos e os 45 anos, sendo que independentemente da idade existe mais profissionais do género masculino do que feminino. No que diz respeito à análise ao mercado de auditoria em Portugal pude perceber como este mercado está organizado, concentrando-se setenta e cinco por cento das SROC nos distritos Lisboa e Porto. Utilizando o IHH e o Coeficiente de Gini conclui que o setor de auditoria é, atualmente, um mercado não concentrado, onde existe elevada desigualdade de rendimentos entre as Sociedades de Revisores Oficiais de Contas. Em relação ao estágio, este teve como objetivo principal a aplicação prática dos conhecimentos adquiridos ao longo do percurso académico, nomeadamente na área de auditoria financeira. Como tal, inicialmente, foi-me transmitido as tarefas que pretendiam que realizasse durante o estágio, que poderiam diversificar, mediante a minha capacidade de aprendizagem. Ao longo do percurso integrei-me nos procedimentos a efetuar durante uma auditoria às demostrações financeiras de uma entidade em contexto real de trabalho, analisando pormenorizadamente diversas áreas.Com muita dedicação e empenho, este estágio revelou-se uma experiência enriquecedora, desenvolvendo competências pessoais e profissionais capazes de aumentar a minha autonomia profissional.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Contabilidade e Finanças apresentado à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/89832
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Relatório de estágio ( Corrigido).pdf1.86 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

12
checked on Sep 17, 2020

Download(s)

10
checked on Sep 17, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons