Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/88660
Title: Ascensão e Queda das Celebridades Desportivas
Other Titles: Ascensão e Queda das Celebridades Desportivas
Authors: Gomes, Rui Machado 
Issue Date: 18-Oct-2015
Publisher: Imprensa da Universidade de Coimbra
Journal: Mediapolis 
Serial title, monograph or event: Mediapolis
Issue: 1
Abstract: The critical analysis of the construction of the contemporary sports celebrity by the media provides the framework necessary for conceptualizing the way people use media resources for their creativity and for production of identity. It is considered that the nature of the sports celebrity suffered strong mutations since the ‘ 60, that the creation and maintenance of the celebrity is in itself an industry made possible by the media and that this process is driven from one-dimensional visions. The media creates narratives that often oppose the sporting heroes and villains. This narrative structure is part of a more general process of globalization of the society of the spectacle. Providing a temporary target for the collective consciousness, the sporting performances and the iconomania guarantee the illusion of immediacy and, simultaneously, of self-referentiality. It is concluded that the universalization of the modes of life guaranteed by sport gaze accompanies the maximum of individualization of each in your private space.
Análise crítica da construção das celebridades desportivas contemporâneas pelos meios de comunicação proporciona o enquadramento necessário à conceptualização do modo como os sujeitos usam os recursos mediáticos para a sua criatividade e para os processos de produção de identidade defendida pelo autor. Considera-se que a natureza da celebridade desportiva sofreu fortes mutações desde os anos 60, que a criação e manutenção da celebridade é em si mesma uma indústria tornada possível pelos meios de comunicação e que este processo é conduzido a partir de visões unidimensionais e maniqueístas. Os media criam com frequência narrativas que opõem os heróis e os vilões desportivos. Esta estrutura narrativa integra-se num processo mais geral da mundialização da sociedade do espectáculo. Proporcionando um alvo temporário para a consciência colectiva, os espectáculos desportivos e a iconomania que os acompanha garantem a ilusão de instantaneidade e, simultaneamente, de autoreferencialidade. Conclui-se que a universalização dos modos de vida garantidos pela desportivisão acompanha o máximo de singularização de cada um no seu espaço privado.
URI: http://hdl.handle.net/10316/88660
ISSN: 2183-6019
1645-5681
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CES - Artigos em Revistas Nacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
7203-Texto do Artigo-27312-1-10-20191018.pdfn/a271.08 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

122
checked on Aug 11, 2022

Download(s)

83
checked on Aug 11, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.