Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/88143
Title: Estudo sobre as perceções das alterações climáticas no município de Penela
Other Titles: Study on the perceptions of climate change in the municipality of Penela
Authors: Marques, Filipa João da Silva
Orientador: Alves, Maria de Fátima Pereira
Castro, Paula Cristina de Oliveira
Keywords: alterações climáticas; perceções sociais; comportamento; Município de Penela; inquérito por questionário; behaviour; Municipality of Penela; questionnaire survey; climate change; social perceptions
Issue Date: 17-Sep-2019
Serial title, monograph or event: Estudo sobre as perceções das alterações climáticas no município de Penela
Place of publication or event: Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet, DCV
Abstract: A análise das perceções dos cidadãos acerca das alterações climáticas permite uma maior compreensão sobre como estes concebem e lidam com este problema e o que fazem em resposta. Foi o objetivo deste trabalho estudar as perceções da população de Penela acerca das alterações climáticas e vulnerabilidades locais, realizado através de um inquérito por questionário. Praticamente todos os inquiridos ouviram falar nas alterações climáticas, em especial pela comunicação social, e a percentagem de ceticismo é baixa. A amostra inquirida apresenta níveis de preocupação elevados e percecionasse como informada, no entanto, revela dificuldade em definir o que são as alterações climáticas. Poucos alteraram as suas ações e as mais praticadas são a reciclagem, separação do lixo, redução e reutilização de materiais e a poupança de água e energia. As alterações climáticas tendem a ser percecionadas como mais graves a nível mundial do que localmente mas a maioria dos inquiridos consideram-se já serem afetados pelas mudanças no clima. Quase todos os inquiridos consideram que lidar com as alterações climáticas é da responsabilidade de todos na sociedade e em particular, do governo nacional. Os problemas ambientais mais importantes são a poluição e os eventos meteorológicos extremos. Como problema não ambiental destacam a saúde. Caraterísticas socioecónomicas e demográficas como a idade, nível de escolaridade e profissão influenciaram as perceções dos inquiridos, em especial a escolaridade. Inquiridos com níveis de escolaridade mais elevados são os que se percecionam mais informados, preocupados e com mais tendência a agir. Espera-se que este estudo possa ser relevante para as autarquias locais na elaboração de políticas climáticas que envolvam os cidadãos.
The analysis of citizens' perceptions on climate change provides a better understanding of how they conceive and deal with climate change and what they do in response. The objective of this work was to study the perceptions of the population of Penela on climate change and local vulnerabilities, conducted through a questionnaire survey. Virtually all respondents have heard about climate change, particularly in the media, and the percentage of skepticism is low. The surveyed sample has high levels of concern and perceive themselves as informed, however, reveals difficulty in defining what climate change is. Few have changed their actions and the most practiced are recycling, waste separation, reduction and reuse of materials and saving water and energy. Climate change tends to be perceived as more grave worldwide than locally but most respondents already consider themselves to be affected by climate change. Almost all respondents consider that dealing with climate change is the responsibility of everyone in society and in particular the national government. The most important environmental problems are pollution and extreme weather events. As a non-environmental problem, they highlight health. Socioeconomic and demographic characteristics such as age, educational level and profession were found to influence the citizen's perceptions on climate change, specially the educational level. Respondents with higher levels of education are the ones who perceive themselves to be more informed, concerned and more likely to act. It is hoped that this study may be relevant to local authorities in shaping climate policies that involve citizens.
Description: Dissertação de Mestrado em Ecologia apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/88143
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação Filipa João Silva Marques.pdf1.76 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

251
checked on Sep 29, 2022

Download(s)

217
checked on Sep 29, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons