Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/86756
Title: Evaluation of the Effect of Sports Drinks and Tooth Bleaching in Tooth Enamel Microhardness
Other Titles: Avaliação do Efeito de Bebidas Desportivas e Branqueamento Dentário na Microdureza do Esmalte Dentário
Authors: Silva, Filipe José Gabriel 
Orientador: Portugal, Jaime Pereira Fontes de Almeida
Ramos, João Carlos Tomás
Keywords: Esmalte Dentário; Teste de Microdureza; Bebidas Isotónicas; Proteína; Produtos de Branqueamento Dentário; Dental Enamel; Hardness Tests; Isotonic Drinks; Protein; Tooth Bleaching Agents
Issue Date: 28-Feb-2019
Serial title, monograph or event: Evaluation of the Effect of Sports Drinks and Tooth Bleaching in Tooth Enamel Microhardness
Place of publication or event: Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa
Abstract: Objetivos. O objetivo do estudo in vitro foi avaliar o efeito de quatro bebidas desportivas e dasua conjugação com branqueamento dentário na microdureza do esmalte dentário.Material e Métodos. A partir de 25 dentes humanos foram obtidos 50 espécimes comsuperfície em esmalte. Os espécimes foram distribuídos aleatoriamente por 10 grupos experimentais(n=5) de acordo com as várias combinações possíveis entre bebida desportiva (controlo sem bebida;Isostar; Isocarb; 100% Whey Protein; Ultra Recovery) e o branqueamento dentário (controlo sembranqueamento; branqueamento com peróxido de carbamida a 16%). Os espécimes de cada grupoforam sujeitos a 14 ciclos de imersão na respetiva bebida durante 60 minutos (1 ciclo por dia)intercalados com imersão em saliva. A exposição ao agente branqueador foi realizada após cada umdos ciclos de imersão, durante 4 horas. Os testes de microdureza Vickers foram realizados com ummicrodurometro (0,98 N; 10 segundos) em 3 momentos [medição inicial antes dos 14 ciclos (T0);imediatamente após o término dos 14 ciclos (T1); e 24 horas após o término dos 14 ciclos (T2)].Os valores de microdureza Vickers foram analisados estatisticamente com testes não paramétricos deFriedman, Mann-Whitney e Kruskal-Wallis (alfa=0,05).Resultados. Os valores de microdureza Vickers sofreram uma diminuição estatisticamentesignificativa de T1 para T2 (p<0,001), mantendo-se sem alterações significativas de T1 para T2(p=1,000). Os valores de microdureza Vickers foram influenciados de forma estatisticamentesignificativa (p<0,001) pela imersão em bebida desportiva, tanto em T1 como em T2. A imersão nasbebidas isotónicas, Isostar e Isocarb, conduziu a uma diminuição (p<0,05) dos valores de microdurezaVickers, relativamente ao grupo de controlo. Os resultados obtidos após imersão nos suplementosproteicos, 100% Whey Protein e Ultra Recovery, foram estatisticamente (p>0,05) semelhantes aosobtidos no grupo controlo. A exposição ao peróxido de carbamida 16% não influenciou os valores demicrodureza Vickers, nem em T1 (p=0,635) nem em T2 (p=0,915).Conclusão. A imersão nas bebidas isotónicas teve um impacto negativo na microdureza doesmalte dentário. No entanto, a microdureza do esmalte dentário não foi afetada pela imersão nossuplementos proteicos. O branqueamento dentário não teve impacto na microdureza do esmalte. Apósos 14 ciclos de imersão/ exposição à bebida/branqueamento, 24 horas de imersão do esmalte dentárioem saliva não permitiu recuperar a microdureza do esmalte dentário.
Objectives. The aim of this in vitro study was to evaluate the effect of four sports drinks andtheir combination with tooth bleaching in tooth enamel microhardness.Material and Methods. Fifty samples with enamel surface were obtained from 25 human teeth.The samples were randomly assigned to 10 experimental groups (n=5) according to the several possiblecombinations of sports drinks (control – no drink; Isostar; Isocarb; 100% Whey Protein; Ultra Recovery)and tooth bleaching (control - no bleaching; 16% carbamide peroxide). The samples from each groupwere subjected to 14 immersion cycles in the respective sport drink for 60 minutes (1 cycle per day)intercalated with immersion in saliva. The bleaching agent was applied for 4 hours, after each immersioncycle. Vickers microhardness tests were performed with a microdurometer (0.98 N; 10 seconds) at 3time points [initial measurement before the 14 cycles - baseline (T0); immediately after the 14 cycles(T1); and 24 hours after the 14 cycles (T2)].The Vickers Microhardness Numbers (VHN) were statistically analysed using non-parametric tests ofFriedman, Mann-Whitney and Kruskal-Wallis (alpha = 0.05).Results. The Vickers Microhardness Numbers (VHN) showed a statistically significant decreasefrom T0 to T1 and T2 (p<0.001), and there were no significant changes from T1 to T2 (p=1.000). TheVHN was statistically significant influenced (p<0.001) by the immersion in sports drinks, both in T1 andT2. The immersion in isotonic drinks, Isostar and Isocarb, resulted in a decrease (p<0.05) in VHN, whencompared with the control group. The results obtained after immersion in protein supplements, 100%Whey Protein and Ultra Recovery, were statistically (p>0.05) similar to those obtained in the controlgroup. Exposing enamel to 16% carbamide peroxide did not influence VHN, neither in T1 (p=0.635),neither in T2 (p=0.915).Conclusions. Exposure to isotonic drinks had a negative impact on tooth enamelmicrohardness. However, tooth enamel microhardness was not affected by exposure to proteinsupplements. Tooth bleaching had no impact on enamel microhardness. After the 14 immersion cycles,exposing the tooth enamel 24 hours to saliva was not enough to recover tooth enamel microhardness.
Description: Dissertação de Mestrado em Medicina do Desporto apresentada à Faculdade de Medicina
URI: http://hdl.handle.net/10316/86756
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Mestrado em Medicina do Desporto - Final.pdf2.35 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

464
checked on Nov 28, 2022

Download(s) 50

421
checked on Nov 28, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons