Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/84388
Title: Relatório de Estágio e Monografia intitulada "Revisão de Segurança dos Medicamentos Biológicos aprovados para o tratamento da Doença de Crohn em Portugal"
Other Titles: Internship's Report at Figueiredo's Pharmacy and the Monograph titled "Safety Review of Approved Biological Drugs for the Treatment of Crohn's Disease in Portugal"
Authors: Nascimento, Ana Irene Comprido 
Orientador: Pinho, Capitolina Figueiredo
Marques, Francisco Jorge Batel
Keywords: Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas; Doença de Crohn; Segurança; Reações adversas; Adalimumab, Infliximab, Vedolizumab, Ustecinumab; Master Degree in Pharmacy; Crohn's Disease; Safety; Side effects; Adalimumab, Infliximab, Vedolizumab and Ustekinumab
Issue Date: 10-Sep-2018
Serial title, monograph or event: Relatório de Estágio e Monografia intitulada "Revisão de Segurança dos Medicamentos Biológicos aprovados para o tratamento da Doença de Crohn em Portugal"
Place of publication or event: F. Farmácia da Universidade de Coimbra, Farmácia Figueiredo -Coimbra
Abstract: Este trabalho inclui o Relatório de Estágio na Farmácia Figueiredo e a Monografia intitulada “Revisão de Segurança dos Medicamentos Biológicos aprovados para o tratamento da Doença de Crohn em Portugal”. Em Portugal, o Curso de Boticários remete-nos para o século XVI, na Universidade de Coimbra. Os primeiros Farmacêuticos Comunitários dedicavam-se à preparação oficinal de medicamentos. Atualmente, as funções do Farmacêutico Comunitário passam, também, pelo apoio às comunidades locais. Atendendo a que em diversas zonas do nosso país, a farmácia comunitária é a única estrutura de saúde disponível, o estágio em farmácia comunitária reveste-se de extrema importância. No que à Monografia diz respeito, o principal objetivo é a revisão dos medicamentos biológicos aprovados em Portugal para a Doença de Crohn. Segundo a European Medicines Agency, é considerado medicamento biológico aquele «cuja substância ativa foi produzida através ou é derivada de um organismo vivo». A primeira publicação com referência à Doença de Crohn data de 1932, sendo da autoria do Doutor Burrill Bernard Crohn. Trata-se de uma doença que se inclui no grupo das doenças inflamatórias do intestino, que pode atingir qualquer área do trato digestivo, desde a boca até ao ânus e região perianal, e até mesmo apresentar manifestações extra-intestinais. No mundo, a Doença de Crohn tem uma incidência de cerca de 6 casos por 100.000 habitantes/ano. Em Portugal, supõe-se que a doença tenha uma prevalência de 60 casos por cada 100.000 habitantes. Os medicamentos biológicos aprovados em Portugal para a Doença de Crohn são: Adalimumab, Infliximab, Vedolizumab e Ustecinumab. Todos eles foram aprovados por um procedimento centralizado e têm uma monitorização adicional. Em face dos resultados, constata-se ser o Adalimumab a substância ativa que pode desencadear reações adversas em mais classes de órgãos. É, pois, da máxima importância ter em conta, para cada medicamento, o risco-benefício para cada utente que vai receber o tratamento.
This work includes the Internship's Report at Figueiredo's Pharmacy and the Monograph titled "Safety Review of Approved Biological Drugs for the Treatment of Crohn's Disease in Portugal".In Portugal, Apothecary's Course refers us to the sixteenth century, at University of Coimbra.The first Pharmacists were dedicated to the officinal preparation of drugs. Currently, the functions of the Pharmacists also go through support to local communities. Given that in several areas of our country, the community pharmacy is the only health structure available, the internship in community pharmacy is extremely important. In the Monograph, the main objective is to review the biological medicines approved in Portugal for Crohn's Disease. According to the European Medicines Agency, a biological drug is the one «whose active substance has been produced by or derived from a living organism». The first publication that referes to the Crohn's Disease dates from 1932, by Doctor Burrill Bernard Crohn. This is a disease that is included in the group of inflammatory bowel diseases, which can affect any area of ​​the digestive tract, from the mouth to the anus and perianal region, and even to have extra-intestinal manifestations. In the world, Crohn's Disease has an incidence of about 6 cases per 100,000 habitants per year. In Portugal, it is a disease that has a prevalence of 60 cases per 100,000 habitants. The biological medicines approved in Portugal for Crohn's disease are: Adalimumab, Infliximab, Vedolizumab and Ustekinumab. All of them have been approved by a centralized procedure and have an additional monitoring. In view of the results, Adalimumab is the active substance that can have adverse reactions in more classes of organs. It is therefore really important to take into account, for each drug, the risk-benefit for each user who will receive the treatment.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/84388
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Ana Nascimento_2013151778.pdf11.85 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

464
checked on Sep 24, 2021

Download(s) 50

418
checked on Sep 24, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons