Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/79419
Title: Guia da pessoa com diabetes : que opinião por profissionais e pacientes
Authors: Costa, Ivone Patrícia Fernandes da 
Orientador: Santiago, Luiz Miguel
Carvalheiro, Manuela
Keywords: Guias alimentares; Diabetes mellitus
Issue Date: Mar-2013
Abstract: Introdução: A Diabetes Mellitus é considerada uma doença epidémica cuja incidência tem vindo a aumentar progressivamente, atingindo atualmente cerca de um milhão de portugueses. Neste sentido, o Programa Nacional de Controlo e Prevenção da Diabetes delineou estratégias de intervenção, nomeadamente, a implementação do Guia da Pessoa com Diabetes tendo este como objetivos o diagnóstico e tratamento precoces das principais complicações da doença. Objetivo: Perceber a importância prática atribuída ao Guia da Pessoa com Diabetes por parte das pessoas com diabetes e dos profissionais de saúde. Metodologia: Estudo observacional e analítico realizado em quatro centros de saúde do ACES Baixo Mondego I e em quatro centros de saúde do concelho de Coimbra durante dias consecutivos de Fevereiro e Março de 2013. A amostra foi constituída por pessoas com diabetes inscritas e registados nos sistemas informatizados atualmente em seguimento nas referidas Unidades de Cuidados de Saúde Primários (UCSP), médicos e enfermeiros de UCSP e hospitalares (serviços de Endocrinologia e Medicina Interna do CHUC – pólo HUC). Foi aplicado o questionário “Importância do Guia do Diabético” elaborado e validado pela investigadora, constituído por três componentes – Qualidade dos Cuidados, Comunicação e Utilização. Resultados: Amostra constituída por 273 participantes (161 doentes, 39 médicos e 32 enfermeiros de UCSP e 23 médicos e 17 enfermeiros hospitalares). No ambiente Qualidade de cuidados as pessoas com diabetes atribuem maior importância ao Guia que os profissionais de saúde na melhoria dos cuidados. No ambiente Comunicação os profissionais de saúde não consideram que o Guia permite melhor a sua comunicação. No ambiente Utilização os profissionais de saúde não concordam que o seu preenchimento permita melhorar a intervenção médica. Discussão: Verificou-se que pessoas com diabetes não consideram o Guia um elemento esclarecedor sentindo-se, no entanto, mais informadas e acompanhadas com a sua utilização. Assim, a sua utilização levantará questões no sentido de as esclarecer. Profissionais de saúde não consideram que o Guia melhore o controlo e vigilância da pessoa com diabetes e que a sua utilização melhore a intervenção médica refletindo talvez o atual registo informático das informações referentes ao doente. A mesma justificação também estará na base dos profissionais de saúde não considerarem que o Guia melhore a sua comunicação. Conclusões: Não se verificaram diferenças de opinião entre os profissionais de saúde. Entre profissionais de saúde e pessoas com diabetes as opiniões divergem-se no sentido das pessoas com diabetes atribuírem maior importância prática ao Guia.
Background: Diabetes Mellitus is considered an epidemic disease which incidence has been increasing steadily, reaching currently about one million Portuguese. In this sense, the “National Program for Prevention and Control of Diabetes” outlined intervention strategies, including the implementation of the “Person's Guide of Diabetes” which goals are the early diagnosis and treatment of major complications of the disease. Objectives: To realize the practical importance attributed to the “Person's Guide of Diabetes” by people with diabetes and healthcare professionals. Methods: An observational and analytical study was conducted in four health centers in the Baixo Mondego ACES I and in four health centers in the district of Coimbra in consecutive days during February and March 2013. The sample consisted of people with diabetes enrolled and registered in the computer systems currently in action in these Units of Primary Health Care (UCSP), doctors and nurses working in the UCSP´s and doctors and nurses from the Hospitais da Universidade de Coimbra (CHUC-HUC) services of Endocrinology and Internal Medicine. The questionnaire applied was the "Importance of Diabetic Guide", prepared and validated by the author, consisting of three components - Quality of Care, Communication and Utilization. Results: The sample consisted of 273 participants (161 patients, 39 doctors and 32 nurses from the UCSP and 23 doctors and 17 nurses from the hospital). In the “quality of cares” ambience people with diabetes give more importance to the guide in improving patient care than healthcare professionals. In the “communication” ambience health professionals do not consider that the Guide allows better communication. In the “use” ambience health professionals do not agree that the Guide improves medical intervention. Discussion: It was observed that people with diabetes do not consider the guide as an enlightening feeling, however, more informed and monitored with its use. Thus, its use may raise questions that patients try afterwards to clarify. Health professionals do not consider that the Guide improves monitoring and surveillance of people with diabetes or medical intervention. Perhaps it reflects the current use of informatics to record patients’ information. This may also be the reason why health professionals do not consider that the Guide improve its communication. Conclusions: There were no different opinions among health professionals. Between health professionals and people with diabetes there were divergent views as people with diabetes give greater importance to the guide.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina àrea cientifica de Medicina Geral e Familiar, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/79419
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
IVONE.pdf1.52 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

83
checked on Jul 9, 2020

Download(s)

30
checked on Jul 9, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.