Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/79393
Title: Potencialidades para o Desenvolvimento do Turismo Sustentável de Base Comunitária no SESC Iparana/Caucaia: Povos do Mar
Authors: Leitão, Antônia Regina Pinho da Costa 
Orientador: Norberto, Santos
Keywords: Desenvolvimento sustentável local; Turismo social; Turismo de base comunitária; Colônia de férias Iparana-Caucaia-Ceará; Gestão do turismo de base comunitária
Issue Date: 25-Jul-2017
Citation: LEITÃO, Antônia Regina Pinho da Costa - Potencialidades para o desenvolvimento do turismo sustentável de base comunitária no SESC Iparana/Caucaia : povos do mar. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/79393
Abstract: O presente estudo, intitulado “Potencialidades para o Desenvolvimento do Turismo Sustentável de Base Comunitária no SESC Iparana/Caucaia: Povos do Mar” analisa uma experiência social do SESC-CE na referida comunidade, objetivando criar condições para o desenvolvimento do turismo de base comunitária. Para tanto, estabeleceu parâmetros teóricos e metodológicos norteadores, cujas reflexões foram fios condutores para a interpretação do significado de um experimento educativo voltado para a criação de condições favoráveis ao turismo de bases comunitárias, por comunidades que o vivenciam e compõem o entorno da Colônia Ecológica. A escolha do tema em estudo decorreu do nosso envolvimento, há mais de 20 anos, em atividades do Serviço Social do Comércio (SESC), voltadas à inclusão de um dado segmento populacional, pela via do turismo social; no interior do qual foi sentida a necessidade de uma maior fundamentação para o planejamento dessas práticas, pela via de uma investigação científica, recorrendo a fontes diversas, que envolvem um levantamento bibliográfico, corpo de documentos (leis, estatutos, diretrizes de base) e uma produção de dados empíricos. A pesquisa não se limita e nem tampouco se esgota numa análise política ou filosófica do que é o SESC e dos seus trabalhos de cunho social e assistencial, pois quer esclarecer como essa instituição se vê e é vista, como agente social, educacional e geradora de capacitação e potencialidades para a sociedade em geral. Apresenta respostas para algumas indagações, em especial, quanto à possibilidade de organização de uma rede turística que promova o desenvolvimento sustentável dos recursos naturais, culturais e comunitários no entorno da Colônia Ecológica SESC Iparana. A começar pela contribuição do SESC, enquanto agente educativo para que as comunidades percebam suas potencialidades em relação ao desenvolvimento sustentável do Turismo de Base Comunitária na região e se organizem nesse sentido, oferecendo produtos e serviços turísticos, que credenciam a região em pauta, como um roteiro turístico diferenciado, de caráter mais social do que competitivo, no mercado turístico. Assim, é com base nesse contexto que, o objetivo geral desta pesquisa consiste em avaliar as práticas de fomento ao turismo de bases comunitárias desenvolvidas pelo SESC-CE, junto às comunidades do entorno da Colônia Ecológica SESC Iparana/Caucaia. Segundo os resultados obtidos, a partir de uma sondagem junto a essas comunidades, foram identificados alguns efeitos da ação educativa do SESC-CE, ali constituída, bem como algumas demandas comunitárias, com vistas a reforçar o potencial de inserção socioeconômica das populações locais, nas atividades relacionadas ao turismo, que podem ser assim agrupadas: iv 1) O turismo praticado no entorno da Colônia SESC Iparana, e mesmo no litoral cearense, não visa o desenvolvimento das comunidades, nem a preservação de seus ecossistemas; 2) Há necessidade de mais projetos de educação ambiental e cultural para os clientes que chegam a essa região de Iparana no sentido de valorizarem mais o turismo comunitário e o território em que estão visitando. Assim sendo, torna-se imprescindível no interior das ações de turismo social já praticado pelo SESC-CE a ampliação de projetos nesse âmbito aos clientes do turismo social do SESC Iparana que chegam a essa região; 3) Promoção de ações de preparação técnica internas, do corpo de funcionários do SESC Iparana, para o turismo de base sustentável e comunitária, priorizando o enriquecimento cultural, a educação, a melhoria das relações interpessoais, o desenvolvimento integral da saúde, dentre outras oportunidades; 4) Com relação às comunidades do entorno, encontra evidências empíricas de que o turismo de base comunitária, a ser protagonizado pelos nativos das comunidades de Iparana e Pacheco, em contato com outras comunidades do litoral cearense, por meio de ações comunitárias sistemáticas e da organização anual do evento “Povos do Mar”, parece abrir uma possibilidade de inclusão social, pois tal iniciativa tem contribuído para suscitar, nas comunidades locais, demandas de capacitação e fomento do turismo. Por fim, a iniciativa pode vir a colaborar para que a economia local se diversifique ao abrir caminho a uma crescente valorização da cultura da localidade, da permanência dos nativos em seus territórios e, ao mesmo tempo, do fortalecimento crescente dos contatos com novas localidades para a formação de redes intercomunitárias, podendo assim, estabelecer trocas de saberes com outras comunidades do litoral cearense, que já desenvolvem projetos similares e venham favorecer, em futuro próximo, o surgimento de novas práticas de turismo comunitário em outras localidades. E ainda como forma de colaboração o estudo sugere alguns itinerários de turismo comunitário com a integração das diferentes comunidades étnicas e profissionais da comunidade e o SESC Ceará. Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável local. Turismo social. Turismo de base comunitária. Colônia de férias Iparana-Caucaia-Ceará. Gestão do turismo de base comunitária.
This study, entitled “Potentialities for the Development of Sustainable Community-Based Tourism at SESC-Iparana/Caucaia: Peoples of the Sea” analyzes the social experience of SESC-CE in the said community, with the aim of creating conditions for the development of community-based tourism. In order to do that, we set guiding theoretical and methodological parameters, whose reflections were conducting lines for the interpretation of the meaning of educational experiment aimed at creating favorable conditions for community-based tourism, for communities experiencing and composing the surroundings of the Ecological Camp. The subject was chosen due to our 20+ year- involvement in the activities of the Social Service of Commerce (SESC) aimed at the inclusion of a specific populational segment by means of social tourism; in which we felt the need for greater grounds to plan these practices, by means of scientific investigation, turning to several sources, which involves a bibliographic survey, body of documents (laws, statutes, basic guidelines) and the production of empiric data. The research is not limited to nor exhausts itself in a political or philosophical analysis of what SESC is and of their social and welfare work, since it aims to clarify how this institution sees itself and is seen as a social, educational agent, generating qualification and potentialities for the society in general. It presents answers for some questions, especially regarding the possibility of organizing a tourist network that promotes the sustainable development of natural, cultural and community resources around the SESC Iparana Ecological Camp. It starts with the SESC’s contribution as an educational agent, so that the communities perceive their potentialities in relation to sustainable development of community-based tourism in the region and organize themselves in that manner, offering tourist products and services that endorse the related region, with a different tourist route, one with a more social than competitive nature, in the tourist market. Thus, based on this context, the general objective of this research is to evaluate the practices promoting community-based tourism developed by SESC-CE with the communities surrounding the SESC Iparana/Caucaia Ecological Camp. According to the results obtained, from a survey in these communities, some effects of SESC’s educational action were identified, was well as some community demands aimed at reinforcing the potential of socioeconomic insertion of local populations in tourism-related activities, that can be grouped as follows: 1) The tourism practiced around the SESC Iparana Camp, and even on the coast of Ceará, vi does not aim the communities’ development, nor the preservation of their ecosystems; 2) More environmental and cultural education projects are needed for clients who come to this region of Iparana, so as to further value community tourism and the region they are visiting. Thus, it is indispensable that, within the social tourism actions already practiced by SESC, these projects are extended in such context to social tourism clients of SESC Iparana that come to this region. 3) Promoting in-house technical preparation actions of the SESC Iparana staff for sustainable community-based tourism, prioritizing cultural enrichment, education, improvement in interpersonal relations, thorough health development, among other opportunities; 4) Regarding the surrounding communities, we found empirical evidences that community- based tourism to be carried out by the locals in communities such as Iparana and Pacheco, in contact with other communities on the Coast of Ceará, through systematic community actions and annual organization of the “Peoples of the Sea” Event, seems to opens up social inclusion possibilities, since such initiative has contributed to raise, in these communities, demands of qualification and promotion of tourism. Finally, this initiative may contribute to diversify the local economy by opening up to an increasing valuation of the local culture, the permanence of locals in their land and, at the same time, of the increasing strengthening of the contacts between these new places for the formation of inter-community networks, thus being able to establish knowledge interchanges with other communities on the coast of Ceará that already develop similar projects and that may favor, in the near future, the emergence of new community tourism practices in other places. Another contribution of this study is to suggest some community tourism itineraries with the integration of different ethnical and professional communities with SESC Ceará. Keywords: Local sustainable development. Social tourism. Community-based tourism. Iparana-Caucaia-Ceará Holiday Camp. Community-based tourism management.
Description: Tese de doutoramento em Turismo, Lazer e Cultura, no ramo de Turismo e Desenvolvimento, apresentada ao Departamento de Geografia e Turismo da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/79393
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Geografia - Teses de Doutoramento

Show full item record

Page view(s)

101
checked on May 21, 2019

Download(s) 50

300
checked on May 21, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.