Title: Obesidade e depressão
Authors: Cruz, Cristina Miranda da
Keywords: Psiquiatria;Obesidade;Depressão;Causalidade
Issue Date: 2011
Abstract: A obesidade e a depressão são importantes problemas de saúde. A elevada prevalência de ambas as patologias, bem como a sobreposição de algumas das suas complicações sugere a possível existência de uma associação entre a obesidade e a depressão. Foi realizada uma revisão dos mais recentes artigos, com intuito de perceber se a obesidade e a depressão se associam e qual direcção em que esta se processa, tendo em consideração as variáveis que poderão moderar a associação. Finalmente, procurou-se reunir as teorias explicativas mais frequentemente aceites como estando na base desta associação. A obesidade e a depressão coexistem frequentemente. A obesidade pode funcionar como um factor de risco para o aparecimento de depressão e vice-versa. Existe alguma evidência da bidireccionalidade entre as duas patologias. Esta associação parece verificar-se mais consistentemente no sexo feminino. Existem inúmeras teorias explicativas para o mecanismo que liga as duas patologias, incluindo os distúrbios alimentares, doença física, estigma social, inflamação, resistência à insulina e diabetes, hipótese vascular da depressão, psicopatologia parental, efeitos secundários dos antidepressivos, hormonas esteróides sexuais, o papel de diversos neurotransmissores, a desregulação do eixo hipotálamo-hipófise-suprarrenal, entre outros. Apesar de todas as tentativas para explicar a associação, é possível que nenhuma das hipóteses isoladamente consiga explicá-la. Muitas das teorias explicativas parecem partilhar, no entanto, de um mecanismo central, a desregulação do eixo hipotálamo-hipófisesuprarrenal. A confimação da existência de uma associação entre a obesidade e a depressão alerta para a necessidade de combinar terapêuticas que melhorem quer a saúde mental quer a saúde física, de modo a atingir uma melhor qualidade de vida e bem estar. A determinação das Cristina Cruz Página 4 de 72 características inter-individuais e mecanismos que interagem com a associação permite que essas terapêuticas sejam o mais direccionadas e eficazes possível.
Obesity and depression are significant health problems. The high prevalence of both diseases as well as the existence of some overlapping complications suggests a possible association between obesity and depression. A revision of the most recent articles was performed with the objective of understanding if obesity and depression are associated and in which direction this occurs, considering the variables that may mediate this association. Finally, an attempt was made to assemble the explaining theories more commonly accepted as being the basis for this association. Obesity and depression frequently coexist. Obesity may function as a risk factor for the development of depression and vice-versa. There exists some evidence of bi-directionality between the two diseases. This association may be more consistently observed in women. There are countless explaining theories for the mechanism that connects the two diseases, including feeding disorders, social stigma, inflammation, insulin resistance and diabetes, vascular depression, parental psychopathology, antidepressants adverse effects, steroid sexual hormones, the role of several neurotransmitters, the dysregulation of the hypothalamic-pituitary-adrenal axis, among others. Despite all the existing theories, it is possible that none of them can, by itself, explain this association. A lot of the explaining theories seem to share a central mechanism, the dysregulation of the hypothalamic-pituitary-adrenal axis. The confirmation of the existence of an association between obesity and depression points to the need to combine therapies that improve both the mental health and the physical health in a way to achieve a better quality of life and well being. The assembling of the individuals features and mechanisms that interact with the obesity-depression association allows these treatments to be as specific and as effective as possible.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina área científica de Psiquiatria, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/47963
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese final.pdf1.28 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.