Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/32452
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSalvador, Jorge-
dc.contributor.authorConceição, Fábio Daniel Pedroso de Lima da-
dc.date.accessioned2016-10-14T15:36:26Z-
dc.date.available2016-10-14T15:36:26Z-
dc.date.issued2016-07-
dc.identifier.citationConceição, Fábio Daniel Pedroso de Lima da / Síntese de derivados semi-sintéticos do ácido oleanólico com vista à atividade antitumoralpor
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/32452-
dc.descriptionDissertação de Mestrado em Química apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.pt
dc.description.abstractCom cerca de 14,1 milhões de novos casos diagnosticados em todo o mundo, em 2012, e com uma mortalidade estimada em cerca de 8,2 milhões de pessoas, também em todo o mundo e em 2012 (World cancer report, 2014), o cancro é uma das patologias mais preocupantes do século 21, tendo sido nesse ano responsável por 14,1% das mortes humanas. Estes dados indicam que não só que esta patologia é responsável por uma grande percentagem da mortalidade humana como também mostram que a situação está longe de estar controlada. Desta feita, a investigação de novas moléculas capazes de prevenir e/ou tratar esta doença torna-se de extrema importância. Neste âmbito, os compostos de origem natural têm tido um papel importante, embora por vários fatores terem saído um pouco de foco como pontos de partida para o desenvolvimento de novos fármacos. Ainda assim, em 2007, mais de 30 compostos de origem natural estavam em diversas fases de desenvolvimento clínico para o tratamento de diversos tipos de cancro. Neste campo, os triterpenóides têm sido bastante estudados para a sua aplicação em vários alvos envolvidos no desenvolvimento do cancro, e em particular as 12-fluorolactonas de compostos triterpenóides têm nos últimos anos surgido como compostos promissores, como evidenciado em vários trabalhos na literatura. Para a classe de compostos da série ursano, é evidenciado um processo de síntese seletivo para β-fluorolactonas embora existam evidências de que os compostos α-fluorolactonas possuam uma atividade biológica igualmente interessante. Sabendo isto, resolveu estudar-se uma via de síntese de fluorolactonas da série oleanano, com vista a obter resultados que pudessem permitir aplicar esse processo a compostos da mesma série e em séries semelhantes, tendo-se tentado optimizar uma via de síntese para o ácido oleanólico e ao mesmo tempo sintetizar o ácido maslínico, composto da série oleanano comercialmente caro, por uma via sintética simples e descrita em artigos recentes, sendo que neste último pretendia obter-se derivados fluorados e não fluorados, sendo que no caso dos fluorados servirá então como uma referência na aplicação da via de síntese de fluorolactonas optimizadas em compostos de classes semelhantes ao ácido oleanólico.pt
dc.language.isoporpt
dc.rightsopenAccesspt
dc.subjectQuímicapt
dc.subjectCiências da Saúdept
dc.subjectNeoplasiapt
dc.subjectTriterpenóidespt
dc.subjectRessonância Magnética Nuclearpt
dc.titleSíntese de derivados semi-sintéticos do ácido oleanólico com vista à atividade antitumoralpt
dc.typemasterThesispt
degois.publication.locationCoimbrapt
dc.peerreviewedYespor
dc.date.embargo2016-07-01*
thesis.degree.grantor00500::Universidade de Coimbrapt
thesis.degree.nameMestrado em Químicapt
uc.rechabilitacaoestrangeiranopt
uc.date.periodoEmbargo0pt
item.grantfulltextopen-
item.fulltextCom Texto completo-
item.languageiso639-1pt-
crisitem.advisor.deptFaculty of Pharmacy-
crisitem.advisor.researchunitCQC - Coimbra Chemistry Centre-
crisitem.advisor.parentresearchunitFaculty of Sciences and Technology-
crisitem.advisor.orcid0000-0003-0779-6083-
Appears in Collections:FCTUC Química - Teses de Mestrado
UC - Dissertações de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
Fabio Conceição.pdf3.88 MBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s) 50

376
checked on Sep 15, 2022

Download(s) 50

394
checked on Sep 15, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.