Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/31834
Title: A inovação social como hibridismo : um estudo de caso sobre voluntariado de proximidade
Authors: Lança, Ana Rita Candeias da 
Orientador: Ferreira, Sílvia
Keywords: Inovação social; Hibridismo; Voluntariado de Proximidade; Sociedade- Providência; Dádiva
Issue Date: 27-Jun-2016
Publisher: FEUC
Citation: Lança, Ana Rita Candeias da - A inovação social como hibridismo : um estudo de caso sobre voluntariado de proximidade, Coimbra, 2016.
Abstract: No cenário contemporâneo de welfare híbrido, a inovação social (IS) forjou a sua centralidade na intervenção social face à escala e complexidade dos problemas sociais, como estratégia mainstream de resposta a necessidades sociais não satisfeitas. A sua ubiquidade é tangível nos campos de intervenção e investigação, políticas públicas de âmbito nacional e supranacional e na transversalidade de setores que vem perpassando, favorecendo a transferência mútua de elementos entre diversos contextos e esferas interventivas. Este estudo ancora-se numa lente híbrida, vislumbrando a IS a partir da influência de articulações intersectoriais, coconstruída por diferentes atores sociais. Definimos como questão central que a IS é uma estratégia híbrida no campo do bem-estar, onde se intermedeiam práticas informais (características do modelo solidário) através de mecanismos formais (típicos do modelo institucional). Para lhe responder elegeu-se como estudo de caso o Projeto de Núcleos de Voluntariado de Proximidade da Fundação Eugénio de Almeida (FEA), em Évora, e a sua implementação no Centro Histórico e Senhora da Saúde. Este foi desenvolvido enquanto IS no âmbito da Iniciativa Comunitária EQUAL e manifesta as especificidades do Welfare Mix português. A pesquisa foi qualitativa, procurando aprofundar a emergência de novos fenómenos, tendo a construção do conhecimento sido mediada por uma estratégia abdutiva, recorrendo a técnicas como pesquisa documental, observação direta, conversas informais, diário de campo, entrevistas semiestruturadas e shadowing. Num processo interativo entre teoria e empiria, assumimos como questões específicas: que o voluntariado de proximidade (VP) resulta de fatores exógenos e endógenos; permite colmatar lacunas dos modelos institucional e solidário; que o hibridismo se manifesta a dois níveis, o 1º Híbrido e a re-hibridização, correspondendo o 1º ao modelo organizacional do Projeto e a re-hibridização à interação gerada entre os mecanismos previstos no 1º Híbrido e as práticas efetivas do VP. A re-hibridização resulta assim da metamorfose da Sociedade-Providência (SP), com base nas suas latências, e configura a tensão entre a dádiva a desconhecidos, típica do voluntariado, e a obrigação mútua, característica da SP. Esta investigação demonstra a vitalidade da SP, não no sentido da melancolia, mas da sua metamorfose face às novas exigências contextuais. A IS patente neste híbrido desafia a reflexão sobre as virtualidades da comunidade/SP/entreajuda para além da ligação ao mundo rural. No VP, a tensão entre lógicas antagónicas, potenciadas nas suas diferenças, contribui para gerar uma intervenção de proximidade numa perspetiva de cidadania ativa, bem como, aumentar a confiança entre desconhecidos, pela garantia de retaguarda institucional e ativação de “links de proximidade”, isto é, da história/memória latentes de socialização comunitária, sustentadas pela SP através do dom de proximidade. O VP apresenta como grande vantagem situar-se entre o universalismo top-down e a democracia bottom-up. Sendo o caráter híbrido o elemento chave da IS, sublinhamos a importância de associar utilizadores, profissionais e voluntários em redes de trocas que favoreçam o diálogo, geradoras de “espaços públicos de proximidade”, onde questões privadas se possam converter em objeto de abordagem conjunta.
Description: Dissertação de mestrado em Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo, apresentada à Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, sob a orientação de Sílvia Ferreira.
URI: http://hdl.handle.net/10316/31834
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FEUC- Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
A INOVAÇÃO SOCIAL COMO HIBRIDISMO_ Ana Rita Lança.pdf1.04 MBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show full item record

Page view(s) 20

525
checked on Sep 22, 2020

Download(s)

84
checked on Sep 22, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.