Title: A autoeficácia dos professores de educação física face à inclusão de alunos com deficiência motora
Authors: Neves, Ana Filipa Duarte 
Keywords: Inclusão;Professores de educação física;Alunos--deficiência motora
Issue Date: 2013
Abstract: A educação de jovens e crianças com deficiência tem sofrido inúmeras mudanças nas últimas décadas, sendo a inclusão de alunos com deficiência motora nas aulas de Educação Física uma realidade presente nos dias de hoje. A autoeficácia dos professores tem uma grande influência nas atitudes favoráveis face à inclusão destes alunos. Cabe ao professor ter sensibilidade e sentir-se capaz para poder partilhar de forma justa esta experiência enriquecedora para todos e, acima de tudo, implementar de forma correta as alterações necessárias para que os alunos com deficiência se sintam incluídos. Desta forma, o presente estudo exploratório tem como principal objetivo avaliar a fiabilidade do instrumento Physical Educators’ Self-Efficacy Toward Including Students with Disabilities – (PESEISD) (Taliaferro, Block, Harris e Krause, 2010), traduzido e adaptado para a realidade portuguesa por Campos e Ferreira (2012) e verificar a autoeficácia dos professores face à inclusão de alunos com deficiência motora nas aulas de Educação Física. A amostra é constituída por 77 professores de Educação Física, 55 do sexo masculino e 22 do sexo feminino com idades compreendidas entre os 24 e 59 anos, média de idades= 34.68 e um desvio padrão= 8.99. Os resultados obtidos no estudo apresentam a existência de uma fiabilidade bastante elevada do questionário (α=0.958) e de valores aceitáveis dos níveis de autoeficácia dos professores. Emerge assim, o interesse de continuar a alargar o leque de pesquisas na área, aprofundando a investigação e validação do instrumento e das suas propriedades.
The education of children and youth with disabilities has undergone numerous changes in recent decades, thus the inclusion of students with physical disabilities in physical education classes is a reality nowadays. The teachers' self-efficacy has a great influence on favorable attitudes towards the inclusion of these students. The teacher has to be sensitive and feel able to fairly share this enriching experience for all, and above all, correctly implement the necessary changes so that students with disabilities feel included. Thus, this exploratory study has the main objective of evaluating the reliability of the instrument Physical Educators' Self-Efficacy Toward Including Students with Disabilities - (PESEISD) (Taliaferro, Block, Harris and Krause, 2010), translated and adapted for the Portuguese reality by Campos e Ferreira (2012) and check the self-efficacy of teachers towards the inclusion of students with physical disabilities in physical education classes. The sample consists of 77 physical education teachers, 55 males and 22 females aged between 24 and 59 years, mean age = 34.68, standard deviation = 8.99. The results of the study show that there is a very high reliability of questionnaire (α = 0.958) and acceptable values of the teachers levels of self-efficacy. Thus, there is interest of continuing to expand the range of research in the area, to deeply investigate and validate the instrument and its properties.
Description: Dissertação de mestrado em Exercício e Saúde em Populações Especiais, apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/30647
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese.pdf627.6 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.