Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/26042
Title: Contributos para a implementação da enfermagem forense em Portugal
Authors: Santos, Carina dos 
Orientador: Vieira, Duarte Nuno
Mendonça, Maria Cristina de
Keywords: Medicina legal; Vítimas de crime; Enfermagem forense; Serviço hospitalar de urgências
Issue Date: 2013
Abstract: Reconhecendo que os enfermeiros são os profissionais de saúde que, para além de permanecerem junto do doente 24 horas por dia, são aqueles que mais vezes são confrontados, numa primeira linha, com pessoas vítimas de violência dos mais diversos tipos, tornou-se pertinente um estudo e reflexão sobre a forma como os enfermeiros portugueses prestam cuidados forenses e a percepção que têm sobre a Enfermagem Forense. Assim, como parte dos requisitos para a conclusão do Mestrado em Medicina Legal e Ciências Forenses pela Faculdade de Medicina de Coimbra, foi elaborada uma Dissertação intitulada “Contributos para a Implementação de Enfermagem Forense em Portugal.” Para além deste trabalho constituir um momento reflexão e de enriquecimento individual, constituiu também um ponto de partida para um conhecimento aprofundado da temática em estudo, constituindo um projecto de grande importância quer no âmbito da Enfermagem em Portugal, quer no campo forense. Os enfermeiros que trabalham nos diferentes Serviços de Urgência e INEM têm como principal objectivo manter a vida e promover a saúde dos pacientes. No entanto, em certas situações a actuação destes profissionais deve ser um pouco mais abrangente, isto é, deve englobar aspectos relativos a questões de âmbito forense. Para que assim seja, é necessário que os enfermeiros saibam conciliar os cuidados de enfermagem com os conhecimentos que detém em Ciências Forenses. Os principais objectivos deste estudo são compreender de que forma actuam os enfermeiros dos vários serviços de urgência pertencentes ao distrito de Santarém, e perceber se de facto há interesse por parte destes profissionais na criação de Enfermeiros Forenses em Portugal. A amostra é composta por enfermeiros que exercem funções nos serviços de urgências, incluindo pediátrica e ginecológica, e VMER por serem estes os serviços que recebem as vítimas de violência, quando estas necessitam de cuidados de saúde. O facto de a amostra ser composta por profissionais do distrito de Santarém prende-se com o interesse pessoal e profissional, visto exercer funções num hospital afecto a esta área geográfica aquando da realização do estudo e também, por uma questão de maior acessibilidade na aplicação dos questionários. A opção da amostra fundamenta-se ainda pela convicção de que os elementos que responderam aos questionários são ilustrativos de um universo nacional, na medida em que são várias as instituições de saúde pertencentes a este distrito. Estruturalmente, este estudo encontra-se dividido em três partes essenciais. XVI Na Parte I da presente dissertação, é feita uma revisão da literatura abordando a temática da violência, a origem da Enfermagem Forense, a forma como é vivida noutros países e a justificação da escolha do tema em estudo. A Parte II diz respeito ao trabalho experimental realizado, na qual são descritos a amostra em estudo, os resultados obtidos e a análise dos mesmos. Por fim, a parte III diz refere-se à Discussão dos resultados obtidos e respectivas Conclusões. Este estudo levanta o véu do longo caminho que os Enfermeiros Portugueses ainda têm de percorrer, no que concerne a Enfermagem Forense em Portugal.
URI: http://hdl.handle.net/10316/26042
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado
UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
RESUMO e ABSTRACT.pdfResumo95.38 kBAdobe PDFView/Open
Contributos para a Implementação da Enfermagem Forense em Portugal.pdfDissertação3.47 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 1

2,671
checked on Sep 26, 2022

Download(s) 5

3,808
checked on Sep 26, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.