Title: Os novos espaços de lazer, turismo e saúde em Portugal : o caso dos SPA
Authors: Gustavo, Nuno Silva 
Keywords: Lazer -- corpo;Termas;Sociologia do corpo;Turismo termal;Sociologia do lazer;Medicina alternativa -- termas;Cultura;Turismo
Issue Date: 2010
Citation: GUSTAVO, Nuno Silva - Os novos espaços de lazer, turismo e saúde em Portugal : o caso dos SPA. Coimbra : [s.n.], 2011
Abstract: Sob os novos desígnios do século XXI as sociedades pós-modernas ocidentais assistem ao renascimento e reinvenção do turismo de saúde, o qual é sustentado em novas ideologias, conceitos, espaços e ofertas mormente dominadas pelos desígnios do bem-estar e expressas no ideal SPA. É a afirmação de uma nova realidade que carece de investigação face ao seu crescente protagonismo no quotidiano social, nomeadamente ao nível das motivações e perfil da procura. Esta investigação apresenta primeiramente uma revisão da literatura onde são discutidas as premissas e as problemáticas actuais associadas à saúde e à gestão do corpo, em particular por relação aos tempos de lazer e turismo, apresentando uma visão global e transversal deste tema. Posteriormente, e ao nível empírico, a investigação, com base numa análise temática de revistas de estilo de vida femininas e masculinas em circulação em Portugal, centra-se nos discursos dominantes sobre a saúde e o corpo. A segunda parte do trabalho empírico centra-se na investigação do perfil do cliente dos novos SPA, tendo por base um estudo de abrangência nacional. A informação foi recolhida com recurso a inquérito por questionário dirigido aos clientes dos SPA portugueses. Os SPA Goers foram questionados relativamente à regularidade, aos serviços, às motivações e ao contexto dos seus consumos de SPA, bem como aos seus demais cuidados de saúde. Com base na informação recolhida foi primeiramente caracterizado o perfil tipo do cliente de SPA em Portugal e, posteriormente, através de uma técnica de clustering, identificaram-se clusters neste universo de consumidores. Ao aplicarmos a técnica de aglomeração TwoStep identificamos a existência de três clusters: Fans SPA Goers; First Experience SPA Goers; Men SPA Goers. Podemos sistematizar a diferença entre os diferentes clusters pela regularidade nas práticas de SPA e pela responsabilidade perante saúde, expressa na frequência e práticas de saúde. Os Fans SPA Goers (19,8%) denotam uma prática e regularidade de SPA elevada, sendo a sua frequência e consumo de SPA tão significativos como os demais hábitos e regularidades no domínio dos cuidados de saúde. Este cluster tem um posicionamento face ao corpo e à gestão da saúde singular, neste universo por si já particular. Por seu lado, os First Experience SPA Goers (40,6%) e os Men SPA Goers (32,9%) têm um posicionamento distinto. As suas práticas e cuidados de saúde são também superiores às práticas e cuidados de saúde da população em geral, todavia inferiores, tal como a frequência de SPA, face aos Fans SPA Goers. O desenvolvimento do mercado de SPA e os consumos a ele associados parecem reflectir em larga medida um conjunto de novos ideais e uma nova visão associada à saúde e à sua gestão. Centrado numa acepção positivista da saúde, onde o bem-estar é o lema dominante, os SPA reinventam-se e reinventam todo o ideal de saúde. À imagem dos SPA, a saúde tende a diversificar-se e a conquistar novos domínios transformando por inerência o universo e o imaginário do turismo de saúde, agora sustentado numa oferta de serviços alargada. Esta é uma realidade evidente no universo dos consumos de SPA -Salut per Acqua-, a qual está muito para além da sua tradicional acepção associada à água, em favor de novas técnicas e ofertas de base holística, assentes nos princípios do relaxamento e da massagem. É a afirmação de uma nova filosofia responsável e proactiva antítese daquela até agora dominante.
Early 21st century postmodern western societies are witnessing the rebirth and reinvention of health tourism founded on new ideologies, concepts, spaces and services mostly dominated by the desire for well-being expressed by the SPA ideal. This is the affirmation of a new reality which, considering its growing role in present-day society, requires research, especially regarding demand, motivation and profile. This research sets out to present, examine and discuss a review of the literature on current principles and issues associated with health and body management, especially as pertains to periods of leisure and tourism through a global and transversal approach. The second part of this research, of an empirical nature, first contemplated analysis of articles and messages conveyed by the major woman’s and men’s lifestyle magazines in circulation in Portugal. Later the client profile of the new SPAs is the focus, founded on a wide-ranging national survey carried out in Portugal. The information was gathered by means of a questionnaire directed to clients of Portuguese SPAs. SPA goers were questioned as to the regularity, services, motivation and context of their SPA use, as well as their other healthcare habits. Based on the information gathered, a profile of SPA Goers in Portugal was designed and by means of a clustering technique, clusters were subsequently identified in this consumer universe. When applying the TwoStep agglomeration technique, we identify three clusters: Fans SPA Goers, First Experience SPA Goers, Men SPA Goers. The differences between the respective clusters can be systemized by the regularity in SPA practices and by the responsibility as to health, expressed in frequency and health practice categories. The Fans SPA Goers (19.8%) demonstrate a high level of SPA practice and regularity with the frequency of SPA use and consumption being as significant as other habits and regularities as regards health care. This cluster has a positioning in terms of body and health management which is singular within this universe, which is in itself already particular. In the case of the First Experience SPA Goers (40.6%) and the Men SPA Goers (32.9%) there is a distinct positioning. In this case health habits and care are also greater than that of the general population, although just as in frequency of visits, lesser than that of Fans SPA Goers. The development of the SPA market and the consumers associated seem to a great extent to reflect a set of new ideals and a new vision associated to health and its management. Centred on a positivist acceptation of health, where well-being is the dominating theme, SPAs have reinvented themselves and have reinvented the whole ideal of health. In the SPA image, health has also tended to diversify and conquer new domains thus transforming the universe and the imaginary of health tourism, now sustained by a vaster range of services. This is an evident reality in the consumer universe of SPA -Salut per Aqua-, which goes much further than the traditional concept associated to water in favour of new holistic techniques and services founded on principals of relaxation and massage. This is the affirmation of a new, responsible and proactive philosophy which is the antithesis of that which had previously prevailed.
Description: Tese de doutoramento em Turismo, Lazer e Cultura (Lazer e Desporto), apresentada à Faculdade de Letras e Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/18395
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Doutoramento - FINAL.pdf6.36 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.