Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/17400
Title: A influência das variáveis sócio-demográficas na formação: estudo empírico realizado em organizações do ensino superior público
Authors: Martins, Sandra Liliana Carvalho 
Orientador: Cardoso, Leonor
Keywords: Formação; Organização; Variáveis sóciodemográficas
Issue Date: 2007
Serial title, monograph or event: A influência das variáveis sócio-demográficas na formação: estudo empírico realizado em organizações do ensino superior público
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O objectivo fulcral deste estudo foi o de identificar a influência das variáveis sócio-demográficas nas percepções que os sujeitos constroem acerca da formação. Num contexto económico em que o desenvolvimento dos Recursos Humanos potencia vantagem competitiva às organizações, torna-se interessante a análise da questão sobre um outro prisma, ainda pouco explorado pela literatura da especialidade, o da percepção dos indivíduos acerca dos processos de formação em que se vêem inseridos. Com essa finalidade, desenvolvemos um estudo empírico de natureza exploratória numa Instituição do Ensino Superior Público, nomeadamente um Instituto Politécnico, e analisamos a forma como o pessoal não docente dessa Instituição percepciona a formação, de acordo com o seguinte conjunto de variáveis sócio-demográficas: unidade orgânica de trabalho, tempo de trabalho na Instituição, tipo de vínculo, grupo de pessoal a que pertence, tempo de permanência no grupo de pessoal, idade e habilitações escolares.
The core objective of this study was to identify the influence of sociodemographic variables in the perception that the subjects have about training. In an economic context in which the development of human resources potentate competitive advantage to organizations, it is interesting to analyse the issue on a different angle, yet little explored by the literature of expertise, the perception of individuals on the processes of training in which they are inserted. For this purpose, we developed a exploratory empirical study at an Institution of Public Higher Education, and analyze how the non teaching staff view the formation, according to the following socio-demographic variables: organic unit of work; duration of stay at the institution, type of bond, group of staff, duration of stay in the group of staff, age and school qualification.
Description: Dissertação de Mestrado em Psicologia das Organizações e do Trabalho, apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/17400
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Show full item record

Page view(s)

236
checked on Sep 17, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.