Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/10610
Title: Atitudes dos Professores de Educação Física Face à Inclusão de Alunos com Deficiência: Estudo Exploratório Face à Deficiência Auditiva
Authors: Cortez, Mafalda Montalvão Côrte-Real Pinto 
Orientador: Ferreira, José Pedro Leitão
Campos, Maria João
Keywords: Deficiência auditiva; Inclusão; Atitudes dos professores; Professores de educação física
Issue Date: 2008
Abstract: O estudo das atitudes dos professores de Educação Física face ao ensino de alunos com deficiência nas suas aulas de ensino regular, em Portugal, é reduzido, relativamente à condição de deficiência auditiva. Considerando a importância do papel do professor enquanto agente de mudança, este é determinante na formação de atitudes, positivas e negativas, face ao processo de inclusão de alunos com deficiência auditiva nas aulas de Educação Física do ensino regular. Assim foi nosso objectivo realizar uma investigação de forma a averiguar quais das características dos professores de Educação Física (idade, género, tempo de serviço, ano de escolaridade que leccionam, habilitações académicas, formação em Ensino Especial ou Necessidades Educativas Especiais, experiência no ensino de indivíduos com deficiência, qualidade de experiência e competência) estão relacionadas com atitudes face ao ensino de alunos com deficiência. O presente estudo é um estudo exploratório de natureza descritiva, uma vez que o instrumento de avaliação PEATID III (Folson-Meek & Rizzo, 1993) está a ser usado pela primeira vez na população portuguesa. A amostra deste estudo é constituída por 254 professores de Educação Física do género masculino (N=164) e feminino (N=90), com idades compreendidas entre os 21 e os 58 anos, sendo a média de idades e desvio padrão 36,64 e 8,94, respectivamente. Há diferenças estatisticamente significativas entre as variáveis independentes grupo etário, tempo de serviço, formação em EE, níveis de ensino e experiência relativamente às variáveis dependentes qualidade de experiência, à competência percebida e atitudes. Aparecem fortes correlações positivas no que toca à competência percebida, à qualidade de experiência e às atitudes. Os resultados obtidos após o tratamento estatístico permitira-nos concluir que quanto mais os professores se autopercepcionarem como competentes, mais positivas serão as suas atitudes face ao ensino de indivíduos com deficiência, sendo este o melhor predictor de atitudes. Ficou visivelmente clara a evidência da importância da aposta na formação dos professores de Educação Física. Palavras-chave: Atitudes, Professores de Educação Física, Deficiência Auditiva
URI: http://hdl.handle.net/10316/10610
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Vários

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Atitudes dos Professores de Educação Física.pdf1.04 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

175
checked on Jul 16, 2019

Download(s) 20

637
checked on Jul 16, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.